O Android Lollipop já está se tornando uma realidade para alguns. Além daqueles felizardos que já puseram as mãos nos novos aparelhos da linha Nexus, alguns dispositivos do mercado já começaram a receber o último update do sistema operacional da Google.

No entanto, com tantas novidades para os smartphones e tablets, alguns podem estar se perguntando quais serão as melhorias trazidas para os smartwatches equipados com o SO da Google. Para responder esses anseios, reunimos algumas melhorias que o Android Wear vai receber com o update para o Lollipop.

1. Interface Watch Battery

Uma das principais melhorias do Android Wear, na realidade, nem acontece no relógio propriamente dito. O Watch Battery é uma interface visível no smartphone que permite analisar o histórico de consumo de bateria e verificar quais aplicativos consomem mais energia no seu vestível.

Essa tela é praticamente idêntica a que já conhecemos nos próprios smartphones, mas suas informações dizem respeito ao smartwatch pareado a ele. Essa adição mostra-se muito útil para aqueles que querem monitorar como está o consumo de bateria e quanto tempo o aparelho tem durado longe das tomadas.

O Lollipop trará uma tela muito parecida com essa, mas referente ao smartwatch.

2. Watch Storage

Da mesma forma que o Watch Battery, o Watch Storage é uma novidade que não acontece exatamente no smartwatch. A tela que mostra o espaço de armazenamento interno disponível e o quanto cada aplicativo ocupa é uma adição que vai agradar aqueles que se preocupavam com esse detalhe no relógio inteligente.

A possibilidade de adicionar músicas ao armazenamento interno dispositivo é outro motivo pelo qual isso se mostra importante. Com a tendência de que mais e mais arquivos possam ser incluídos no smartwatch, ter a possibilidade de gerenciar a memória interna é uma ótima ideia.

Outra tela que será adicionado ao smartphone, mas que diz respeito ao smartwatch.

3. “Caras” novas para o relógio

Com tantas funcionalidades diferentes, às vezes até esquecemos que os smartwatches também podem mostrar as horas. Para fazer isso, esses equipamentos utilizam o “watch face”, nome técnico para a interface do dispositivo que exibe o horário. Na atualização do Android, esse componente ganha uma API própria, uma adição que vai alegrar os desenvolvedores.

Atualmente, para mudar a aparência do relógio, muitas vezes é preciso recorrer às alternativas de terceiros. Esses, por sua vez, não tinham uma plataforma oficial para desenvolver para o Android Wear. Com a chegada do Lollipop, esse cenário vai mudar e a tendência é que todos se favoreçam com isso.

4. Recuperando notificações dispensadas

Se você já se arrependeu de ter dispensado alguma notificação em seu smartwatch, saiba que você vai poder recuperá-la graças ao Lollipop. O update trará o suporte a um novo movimento que abre um menu e apresenta a opção de desfazer a última ação.

Porém, não sabemos se esse recurso permitirá desfazer qualquer ação no dispositivo, apesar de que não há muitos motivos para se preocupar com isso, já que não há tantas ações “destrutivas” (aquelas das quais nos arrependemos) a serem realizadas nos smartwatches.

5. Controle de brilho

Uma das principais reclamações de quem possui um smartwatch com Android Wear é a impossibilidade de ajustar o brilho do dispositivo. Ambientes escuros, como o cinema, ter um relógio com um brilho bastante forte não deve ser conveniente. Outra situação ruim acontece em lugares muito iluminados em que a falta de brilho dificulta a visualização da tela.

Agora, o que só era possível fazer com aplicativos de terceiros, será um função nativa com a chegada do Lollipop. O update trará dois novos modos para o sistema: o Theater Mode e o Sunlight Mode para serem usados, respectivamente, em lugares com pouca e muita iluminação.

6. Aprimoramento na acessibilidade

O aspecto de acessibilidade no Android Wear também recebeu aprimoramentos. Com a atualização, será possível, por exemplo, ajustar o tamanho do texto e inverter as cores para facilitar a visualização da tela.

A opção de habilitar gestos para aumentar alguns elementos do display também foi adicionado ao Lollipop, apesar de ainda ser um mistério como isso funcionará exatamente.

7. Menu principal com atividades recentes

O menu principal do Android Wear, com a atualização, passa a exibir algumas opções usadas recentemente pelo usuário. Essa lista, no entanto, é acessível por aqueles que optam por desbloquear o smartwatch pelo toque, e não pelo famoso “Ok, Google”.

8. Outras melhorias: design e performance

Entre outros aspectos que o Lollipop vai trazer de bom para os smartwatches é o design da interface de um modo geral. Incorporando o conceito do Material Design, o Android Wear passará a exibir ícones mais chapados e coloridos.

Também se espera que o dispositivo ganhe algumas melhorias no que diz respeito à perfomance. Com a mudança de sistema operacional, a Google remodelou a forma como o software se comunica com o hardware, o que deve refletir (positivamente, esperamos) no desempenho do aparelho.

.....

Essas são algumas das principais melhorias que o Android Wear vai receber com a chegada do Lollipop. E você, tem um dispositivo que roda o SO móvel da Google? Quais são as suas queixas em relação a esse sistema? Ficou contente com as melhorias que a atualização vai trazer? Conte-nos a sua opinião no campo dos comentários.

Cupons de desconto TecMundo: