Anunciada na conferência Google I/O de 2014, a linha Android One chamou a atenção de muitas pessoas ao oferecer uma porta de entrada para milhões de consumidores de baixa renda ao universo do Android. Entretanto, poucos modelos foram disponibilizados desde então, e as vendas nunca foram expressivas, alcançando apenas 1,1 milhão.

No final de 2015, rumores apontavam que a Google estaria preparando novidades para a linha, com um smartphone que poderia custar apenas US$ 49,00 (aproximadamente R$ 171, em conversão direta e sem considerar impostos). Para tristeza daqueles que esperavam por um gadget extremamente barato, as informações acabaram sendo desmentidas pelo próprio CEO da empresa na época.

Depois da negativa no final do ano passado, se espalharam comentários na web de que a Google teria desistido do Android One. Contudo, segundo o diretor e chefe do departamento de desenvolvimento do Android e Chrome, Mike Hayes, a Google deve manter parceria com vários fabricantes para garantir que novos aparelhos de baixo-custo sejam produzidos.

Hayes reforçou que a Google está comprometida em colaborar com parceiros para que cada vez mais dispositivos da linha Android One cheguem ao mercado. Nenhum outro detalhe foi esclarecido, mas o fato é que a Google ainda não desistiu do projeto e é possível que ainda este ano apareça alguma novidade.

A Google ainda não desistiu dos smartphones de baixo-custo Android One Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: