Durante a conferência Google I/O 2014, realizada na semana passada, a Google revelou ao público uma boa parte das novidades que estarão presentes no Android L, a próxima versão do sistema operacional mobile da empresa. Inicialmente, ainda não há uma data oficial para que essa versão seja disponibilizada para o público.

Apesar disso, aquela que está sendo considerada a maior atualização da história do Android deve aparecer primeiro no Nexus 5 no último trimestre de 2014. Para quem está curioso para saber como a nova interface ficou, já é possível instalar uma versão de testes do Android L no tablet Nexus 7 ou no smartphone Nexus 5.

O TecMundo teve acesso a mais essa novidade, confira quais foram as nossas primeiras impressões sobre o Android L.

Visual renovado

Usando cores chamativas, a nova interface se chama Material Design e tem como inspiração materiais como papel e tinta. O visual limpo e simples brinca com a profundidade de pixels, dando uma sensação de profundidade aos elementos. Além disso, há melhorias funcionais que acompanham o novo design.

Logo na tela de bloqueio já é possível receber notificações, sem necessariamente precisar desbloquear o aparelho. Os botões home, voltar e menu foram redesenhados e agora são representados por formas geométricas. O gerenciador de aplicativos exibe os últimos apps utilizados em forma de flipchart.

No menu de ferramentas, a novidade é o menu em dois níveis, que dá acesso aos atalhos de configuração e, ao clicar no botão do canto superior direito, exibe as notificações. A tela de configurações agora tem a cor de fundo branca e um espaço maior entre as linhas.

O novo teclado perdeu a divisão de teclas e agora exibe as letras lado a lado, O novo visual dá uma sensação de melhor aproveitamento de espaço. A fonte utilizada é mais fina e elegante. Alguns apps já disponíveis, como a Calculadora e o Discador, também tiveram o seu visual completamente modificado. A proposta é que os apps sigam a mesma identidade visual do SO.

Por fim, você se lembra do Webdriver Torso, aqueles vídeos misteriosos do YouTube com duração de 20 segundos? Eles agora fazer parte do Easter Egg que aparece quando você toca seguidas vezes sobre a versão do Android.

Indo além das aparências

O Android L não trará apenas mudanças visuais para os seus usuários. O sistema é compatível com as arquiteturas ARM, x86 e MIPs, podendo trabalhar com processadores 64 bits. O novo runtime detecta e elimina o lixo, melhorando o desempenho.

Outra iniciativa é o Project Volta, que visa melhorar o desempenho de bateria. Por meio da ferramenta Battery Historian, é possível acessar um relatório completo de uso do sistema. Segundo a Google, quando o modo estiver ativado é possível garantir até 90 minutos a mais de conversação em um Nexus 5.

Por fim, aqueles que curtem jogos no Android também terão novidades para conferir. A nova Play Games terá perfis de jogadores, que poderão receber missões específicas sem precisar atualizar os apps. O progresso em um jogo bem como as conquistas e títulos também ficam disponíveis online.

Graças a otimização de GPU, será possível ter gráficos de PC em jogos do Android, como mostra esse clipe criado com a utilização da Unreal Engine 4. Isso será possível graças ao Android Extension Pack, um conjunto de ferramentas gráficas otimizadoras de GPU que incluem shaders geométricos, sombras em tempo real e compressões de textura.

Vale a pena esperar

Vale lembrar que esta é uma pequena prévia do que está por vir. Muitos dos recursos e funcionalidades do Android L ainda não podem ser conferidos na prática. De novidade mesmo, ao menos por enquanto, as maiores dizem respeito ao novo visual, que está mais limpo e com atalhos que primam pela objetividade no manuseio.

Cupons de desconto TecMundo: