Há cerca de um ano, a gigante de Mountain View lançou o Android Auto para integrar funções entre os automóveis e os smartphones, que é similar à ferramenta do iOS da Apple para carros.

Diferente dos computadores de bordo equipados em certos modelos (acessório de luxo) que mostram apenas informações específicas dos veículos, o aplicativo da Google foi projetado para ser compatível e rodar apenas utilizando o rádio e um celular ou tablet com sistema Android.

De acordo com o recente relatório da BI Intelligence, a briga entre as grandes Apple e Google definitivamente vai atingir o setor de veículos automotivos. Estima-se que até 2020 aproximadamente 40 milhões de carros vão ser equipados com o aplicativo Android Auto contra 37,1 milhões com o CarPlay.

Vale lembrar que o app já está disponível para download na Google Play, mas poucas empresas de aparelhos sonoros como a Pioneer demonstraram interesse na ferramenta. Porém, já existem no mercado modelos de rádios com suporte ao recurso.

Por outro lado, montadoras como Chevrolet e Volkswagen estão apostando forte neste modelo econômico de computador de bordo e pretendem adicionar tanto o Android Auto quanto o Apple CarPlay nos veículos. Entretanto, a implementação dessa tecnologia anda a passos de tartaruga, e os primeiros carros equipados de fábrica talvez saiam ainda em 2015.

Cupons de desconto TecMundo: