(Fonte da imagem: Logitech)

No meio de tantos mouses com trezentos botões e que quase jogam pelo jogador, a tradicional Logitech resolve jogar seguro com o Logitech Optical Gaming Mouse G400. Também conhecido como “o novo MX 518”, o acessório traz exatamente o que os veteranos, e conhecedores da lendária série MX 500, esperam: um mouse sólido e anatômico.

Com esta ideia de “novo clássico”, eis que surge uma questão: com tantos mouses no mercado, vale a pena apostar no modelo da Logitech? Sem dúvidas, a marca dispensa elogios quanto à qualidade, mas será que o novo guerreiro de trajes já conhecidos consegue encarar gigantes como a Razer? É isso o que você confere nesta análise.

Aprovado

Um tiro certeiro

Sem dúvidas, um dos fatores que mais chamam a atenção no G400 é a sua simplicidade. Temos um acessório bem diferente dos demais mouses de alta qualidade, mas que mesmo assim não deve nada para os concorrentes.

(Fonte da imagem: Logitech)

O G400 é firme, com uma pegada muito anatômica para a grande maioria das mãos (logo entramos em detalhes em relação a isso). Afinal de contas, não poderia ser diferente, já que a Logitech continua com o mesmo excelente design que também foi utilizado no MX 518. Então, se você é um jogador veterano, o formato provavelmente será bem familiar e agradável.

Em suma, um dos grandes trunfos do G400 é optar por uma linha de design já conhecida e aclamada, deixando de lado as dezenas de botões personalizáveis e os formatos ousados em prol de um acessório que seja como uma extensão natural do braço do jogador.

Personalização na ponta dos dedos

Outro fator bem interessante do G400 é a facilidade que temos para personalizar a taxa de DPIs. É claro, assim como as concorrentes, a Logitech também disponibilizou um driver que facilita a personalização do mouse, permitindo que o usuário salve configurações para diferentes tipos de jogos.

Entretanto, uma das novidades do mouse é a possibilidade de aumentar ou diminuir sua taxa de DPIs com um simples toque de um botão. Basta pressionar os botões “+” ou “-”, localizados acima e abaixo do Scroll, respectivamente, para alterar a DPI, que varia de 400 (mínimo) a 3.600 (máximo). Com isso, você dispensa a necessidade de ter de entrar nas configurações de um jogo, por exemplo, para deixar seu ponteiro mais veloz.
(Fonte da imagem: Logitech)

O G400 também traz dois botões na parte esquerda do mouse. Você pode usá-los fora dos jogos, para tarefas como navegar na internet, por exemplo, e também personalizá-los para ações dentro de seus jogos favoritos. A posição desses dois botões é bem agradável e clicá-los usando seu polegar acaba sendo algo tão natural quanto clicar nos botões padrões para os dedos indicador e médio.

Preço camarada

Enquanto encontramos mouses que chegam a custar mais de R$ 600, a Logitech decide trazer uma qualidade equivalente aos concorrentes sem abusar do preço. No Brasil, o G400 pode ser encontrado por cerca de R$ 149,99, e, se você optar pela versão importada, o preço pode diminuir ainda mais.

É claro que não temos um acessório que vem acompanhado de uma maleta espumada que mais parece o case de uma Cyber Arma, já que a Logitech apostou um produto com características básicas, mas com toda sua qualidade.

E não se engane: mesmo com este preço, a Logitech garante um mouse extremamente durável, com botões capazes de até 10 milhões de cliques e pés testados para deslizarem por 250 km. Ao segurar no mouse, você mesmo perceberá que se trata de um produto sólido e bem acabado.

Reprovado

Perfeito para alguns, desconfortável para outros

Enquanto o design clássico do G400 agrada à grande maioria, alguns gamers podem estranhar o formato do mouse. Primeiramente, quem é canhoto terá grandes dificuldades para usar a mão esquerda, já que o acessório parece ter sido moldado para os destros. Além disso, pessoas com mãos pequenas também podem estranhar o formato do mouse. Mesmo que ele continue confortável, a posição dos botões adicionais fará com que as pequenas mãos não alcancem os cliques, tornando-os dispensáveis.

(Fonte da imagem: Logitech)

Vale a pena?

Como você pôde perceber, o G400 é uma excelente pedida para quem busca um mouse gamer de qualidade sem precisar desembolsar uma grana altíssima. Tudo bem, não temos dezenas de botões personalizáveis, nem luzes coloridas ou outras opções absurdas de personalização, mas, mesmo assim, a Logitech conseguiu elaborar um produto altamente recomendável, trazendo tudo o que é necessário para quem busca uma ferramenta ideal e acessível na hora de jogar.

Mesmo com seus pequenos problemas, é difícil não colocar o G400 como o mouse ideal para o público gamer. Se tiver a chance, teste a pegada do mouse (nem que seja com um MX 518). E, se cair bem, não hesite em pagar barato por um acessório que com certeza fará a diferença em seus games.

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: