O sonho de muitos gamers é ter um PC com configurações poderosas e que possa dar conta dos lançamentos mais atuais com altas taxas de quadros por segundo e todos os detalhes ativados no nível máximo. Algumas pessoas são ainda mais ousadas e preferem notebooks especializados em games e com hardware de ponta.

Nós analisamos um modelo desenvolvido especialmente para os gamers: o Avell FullRange G1743. A máquina traz um processador Core i7 e até duas GeForce GTX 680M em SLI (a máquina que testamos possui apenas uma), além de leitor Blu-ray, memória SSD e diversos outros recursos. A fabricante ainda permite que você personalize o modelo na hora da compra, incluindo ou removendo funções. Confira o que nós testamos.

Especificações técnicas

Avell FullRange G1743

  • Processador: Intel Core i7 Ivy Bridge - 3630QM 2,4 GHz, 6 MB cache (3,4 GHz em modo Turbo);
  • Memória: 16 GB DDR3 (1600 MHZ) / (2x 8 GB);
  • Armazenamento: SSD 256 GB SATA III + HD 1 TB - 5400 RPM SATA III;
  • Unidade óptica: Gravador Blu-ray 6X DVD+/-R DL Super-Multi Drive 8x;
  • GPU: NVIDIA GeForce GTX 680M;
  • Memória de vídeo: 4 GB GDDR5;
  • Tela: 17,3" 16:9 (1920x1080) Full HD LED-Backlit Display;
  • Conectividade: Realtek 802.11 B+G+N Wireless Lan + Bluetooth;
  • Sistema operacional: Windows 8 Professional.

Aprovado

Um design sólido e robusto

É natural que uma máquina que carregue um hardware tão poderoso seja grande. Porém, a Avell conseguiu desenvolver um trabalho de design eficiente com o G1743. O equipamento pode não ter o visual mais belo já visto em um notebook, mas a sua construção é sólida e muito bem acabada.

O tamanho e o peso podem assustar um pouco, mas, assim que você abre a tampa pela primeira vez, percebe como todos os detalhes foram bem trabalhados nesse modelo. Toda a tampa externa e região interna — que fica próxima ao touchpad — possuem uma textura emborrachada.

(Fonte da imagem: Tecmundo)

O teclado é iluminado e possui teclas com um ótimo acabamento, além de elas serem bastante firmes ao toque. Como o notebook possui um tamanho “avantajado”, é possível ter um teclado numérico completo, assim como acontece com os teclados para desktops.

O touchpad possui uma textura especial, um espaço amplo para os movimentos e botões que ficam “escondidos” sobre a superfície. Além disso, esses botões são bastante suaves ao toque.

(Fonte da imagem: Tecmundo)

É claro que os jogadores devem preferir um mouse na hora de jogar, mas é importante ter um touchpad decente na hora de navegar na internet ou trabalhar com a interface do Windows 8, por exemplo.

Portas de conexão bem distribuídas

A parte inferior traz as aberturas para refrigeração e é possível ver três coolers diferentes. Contrariando a maioria dos notebooks, nesse modelo a bateria fica na parte frontal do equipamento.

A parte lateral direita tem três portas USB 3.0 e uma porta e-SATA. Ao lado, a unidade de disco óptico. Do lado esquerdo temos as entradas de som, uma porta RJ-45 e um slot para cartões de memória.

(Fonte da imagem: Divulgação/Avell)

O conector de energia fica na parte de trás do notebook, próximo às saídas de vídeo HDMI e Display Port e também aos dois alto-falantes principais do sistema.

Uma das vantagens desse tamanho todo é o espaço entre as portas de conexão. Dificilmente você terá problemas para conectar mais de um periférico simultaneamente nas portas USB, algo comum em outros modelos.

A tela Full HD garante a qualidade das imagens

A tela de 17,3 polegadas do G1743 possui resolução Full HD, o que garante uma imagem com melhor definição do que em monitores maiores, já que é possível ter uma concentração maior de pixels por polegada.

(Fonte da imagem: Tecmundo)

A taxa de brilho e de contraste mostra-se bastante satisfatória. O ângulo de visão não é muito grande, mas é o suficiente para que você possa mexer a cabeça para os lados sem ter que se preocupar com distorções nas cores das imagens.

Isso tudo pode ser proporcionado pelo painel de iluminação de LED incorporado ao monitor.

Sistema de Som

A qualidade do som proporcionada por um alto-falante geralmente tem relação direta com o tamanho dele. É preciso que essas peças sejam grandes para garantir um som mais alto e potente, e esse é um dos maiores problemas em notebooks. Como o espaço para o posicionamento desses componentes é pequeno, geralmente o som não é dos melhores.

(Fonte da imagem: Tecmundo)

Para resolver esse problema, a Avell trabalhou de duas maneiras: o processador de som é uma Sound Blaster X-fi MB2, da Creative — um dos processadores de som mais bem conceituados do mercado de computadores —, e os alto-falantes são fabricados pela ONKYO, empresa japonesa especialista no ramo.

(Fonte da imagem: Tecmundo)

Os dois alto-falantes são posicionados na parte de trás do notebook. Já que essa parte precisa ser mais larga para acomodar todos os componentes da máquina, foi possível adicionar dois speakers relativamente grandes nesse local. Para completar (e garantir um som mais poderoso), o G1743 possui um subwoofer instalado na parte inferior.

Se você quiser fazer ajustes mais perfeitos no sistema de som, terá à sua disposição toda a suíte de aplicativos da Creative, que permite configurações mais avançadas e até mesmo a aplicação de filtros especiais nas trilhas de áudio.

Personalização completa

Quem está prestes a adquirir um produto exclusivo como um notebook específico para os games, certamente quer ter uma máquina totalmente personalizada. A Avell permite que você faça isso no momento da compra.

É possível escolher entre diversas cores diferentes e até mesmo ter o seu nome impresso na carcaça do notebook.

Muito espaço para armazenamento

O G1743 vem com muita capacidade para armazenamento, algo essencial em uma máquina para games. Devido ao seu tamanho avantajado, é possível adaptar dois HDs simultaneamente. Se isso não for suficiente para você, é possível adaptar um terceiro, bastando utilizar um adaptador — que pode ser adquirido junto com o notebook — que substitui o drive de leitura óptica por uma terceira unidade de armazenamento.

(Fonte da imagem: Divulgação/Avell)

Reprovado

Um portátil difícil de carregar

Um dos maiores problemas de notebooks para jogos é o peso, e isso também afeta o G1743. Se somarmos o peso do aparelho e da fonte de alimentação, teremos cerca de 5 kg de equipamentos, algo que pode ser um incômodo na hora do transporte.

(Fonte da imagem: Tecmundo)

O teclado é muito bom e possui iluminação dedicada, porém a disposição das teclas segue o padrão americano, o que pode desagradar algumas pessoas. Além disso, algumas teclas são muito próximas umas das outras, e isso pode atrapalhar um pouco na hora de jogar.

Testes de desempenho

Mas e os jogos? O notebook da Avell é capaz de rodar os principais títulos da atualidade com os gráficos no máximo? Nós testamos diversos games diferentes, sempre com todos os detalhes configurados para a melhor qualidade visual possível.

Confira os resultados.

Podemos perceber que o notebook da Avell é capaz de dar conta de alguns dos games mais pesados da atualidade sem muita dificuldade. Mesmo que games como Crysis 3 fiquem um pouco pesados no sistema, isso pode ser resolvido com algumas configurações mais específicas nos próprios jogos ou com a ajuda do GeForce Experience.

Vale a pena?

Quando o assunto são os computadores específicos para games, o primeiro alerta que acende é o do preço. Afinal de contas, o custo do hardware de uma máquina dessas costuma ser alto. Para se montar um desktop de última geração, você vai gastar algo em torno de quatro ou cinco mil reais hoje em dia, o que já é um valor alto.

Ao escolher um notebook específico para games, a coisa fica ainda mais crítica: o preço que você paga pela portabilidade é bem mais alto. No caso do Avell FullRange G1743, por exemplo, esse valor fica em torno de R$ 8.000, mas pode chegar a muito mais que isso, caso você decida personalizar a máquina, adicionando novos recursos e até mesmo mais uma placa de vídeo para trabalhar em modo SLI.

(Fonte da imagem: Divulgação/NVIDIA)

Se deixarmos o preço de lado e levarmos em conta o desempenho da máquina, temos um equipamento excelente e que poderá garantir a diversão por um bom tempo nos jogos de agora e possivelmente de amanhã.

O acabamento do computador é muito bom, e a bateria surpreendeu. Mesmo configurada para o modo “alto desempenho”, a máquina rodou aplicativos pesados a todo vapor por mais de uma hora e meia.

O peso incomoda na hora de carregar o notebook por aí, mas certamente nem se compara ao pesadelo que é levar um desktop inteiro para uma lan party, por exemplo.

(Fonte da imagem: Tecmundo)

Se você precisa de um computador para jogos poderoso e portátil e pode arcar com o alto investimento, certamente o FullRange G1743 atenderá às suas necessidades completamente. A máquina é, sem sombra de dúvidas, um equipamento excelente.

Cupons de desconto TecMundo: