A ASUS tem diversas linhas de notebooks, mas parece que nenhuma delas estava pronta para o novo sistema da Microsoft. Dessa forma, a companhia decidiu investir em novos produtos que possam aproveitar todo o potencial do Windows 8.

A linha VivoBook é composta por notebooks e ultrabooks que trazem um diferencial essencial: uma tela touchscreen. Claro, apesar de trazer um novo recurso para interagir com o sistema, esses computadores portáteis vêm equipados com mouse e teclado para oferecer boas experiências com os antigos aplicativos do Windows 7.

Recentemente, recebemos o modelo ASUS VivoBook X202E, um notebook leve, compacto e com configurações razoáveis. Hoje, vamos mostrar tudo o que ele tem a oferecer e quais são os principais problemas que podem aparecer no cotidiano. Entretanto, antes de partirmos para a análise, vamos conferir as especificações da máquina:

  • Tela: 11,6 polegadas (1366x768 pixels) com retroiluminação de LED
  • Sistema: Windows 8
  • CPU: Intel® Core™ i3-3217U
  • GPU: Intel HD Graphics 4000
  • Memória: 4 GB de memória RAM
  • Armazenamento: disco rígido de 320 GB (5.400 RPM)
  • Conectividade: Wi-Fi 802.11 b/g/n
  • Saídas de vídeo: HDMI e VGA
  • Leitor de cartões
  • Peso: 1,4 kg
  • Dimensões (L x P x E): 30,3 x 20 x 2,17 cm

Aprovado

Design de ultrabook

Apesar de testarmos um aparelho que suspostamente é um notebook, o visual dele lembra muito o design de um ultrabook. O VivoBook X202E impressiona pela leveza, pela espessura reduzida e também pelo acabamento em aço escovado. Ele é perfeito para carregar na bolsa diariamente.

(Fonte da imagem: Divulgação/ASUS)

Além disso, o notebook que testamos tem curvas suaves, cores que dão o tom do luxo, portas devidamente dispostas nas laterais e componentes (como tela, teclado e touchpad) que aproveitam o espaço disponível de forma inteligente.

Display com cores fortes e alta sensibilidade

Apesar de não ser muito grande, a tela de 11,6 polegadas é muito boa. Com resolução elevada, o display do VivoBook permite aproveitar filmes de alta qualidade, games e todo o conteúdo do Windows 8. A tela tem espaço suficiente para você utilizar todos os recursos do sistema, inclusive para experimentar a interface antiga do Windows com os comandos de toque.