A Sony fez uma atualização caprichada na sua linha de celulares. Depois de nos impressionar com o Xperia S, a fabricante nos emprestou mais dois modelos recentes: o Xperia U e o Xperia P. Esses aparelhos seguem o mesmo padrão de desempenho e qualidade, trazendo tecnologias recentes e recursos de grande valia.

Nesta análise, vamos falar sobre o Xperia P, modelo intermediário que vem para concorrer com o Samsung Galaxy S II e outros similares. Será que este novo integrante da família Xperia consegue bons resultados? Antes de conferir os pontos positivos e negativos, veja as configurações deste smartphone:

  • CPU: Cortex-A9 dual-core de 1 GHz
  • GPU: Mali-400MP
  • Memória RAM: 1 GB
  • Sistema operacional: Android 2.3.7 (Gingerbread)
  • Memória interna: 16 GB (13 GB disponíveis)
  • Tamanho da tela: 4 polegadas (540x960 pixels)
  • Câmeras: 8 MP (principal) e VGA (frontal)
  • Som: alto-falantes e conector de fones de 3,5 mm
  • Conectividade: Wi-Fi 802.11b/g/n, Bluetooth, NFC
  • 3G: sim
  • Bateria: 1.305 mAh
  • Autonomia da bateria: até 5 horas para conversação (3G)
  • Peso: 120 gramas
  • Dimensões (A x L x E): 12,2 x 5,9 x 1,05 cm

Aprovado

Elegante, resistente e bem acabado

Os novos smartphones da Sony seguem um padrão de design. Contudo, isso não quer dizer que eles são idênticos. Cada aparelho tem suas características próprias e o Xperia P é um modelo que se destaca por mesclar muito bem o display moderno com a carcaça que imita um metal resistente.

Diferente do Xperia S, este aparelho parece ter curvas mais suaves e aproveitar o espaço de maneira eficiente. Apesar da curvatura na parte traseira, não é complicado usar o Xperia P em uma superfície plana. É importante notar ainda que ele se adapta muito bem à mão e não é um produto muito grande que fique desconfortável no bolso.

(Fonte da imagem: Divulgação/Sony)

Os botões na base do produto merecem destaque especial. Corrigindo um inconveniente que aparece no modelo top de linha, o Xperia P não usa espaço da proteção de vidro para comportar os atalhos do sistema. Em vez disso, este smartphone oferece acesso às funções “Voltar”, “Home” e “Opções” diretamente na parte em acrílico. Simplesmente genial!

Brilho ao extremo

Como de praxe, a Sony caprichou no display do dispositivo. O Xperia P traz uma tela de alta qualidade, com bons níveis de cores, contraste e brilho. Ainda que não ofereça alta definição, o display é confortável para aproveitar vídeos e games. A nitidez é muito boa e, no geral, há fidelidade na reprodução das imagens.

(Fonte da imagem: Divulgação/Sony)

O principal diferencial do display é a nova tecnologia WhiteMagic. Com o uso deste recurso, o Xperia P garante ótimas imagens até mesmo quando você usa o dispositivo em ambientes ensolarados. Graças a essa novidade, o smartphone oferece um reforço de brancos e garante visibilidade até mesmo em ambientes com iluminação excessiva.

Preparado para games

O hardware do Xperia P não é o que existe de mais avançado, mas a configuração é suficiente para executar jogos robustos. Durante nossa análise, testamos o dispositivo com o jogo N.O.V.A. 3 - Near Orbit Vanguard Alliance e não tivemos quaisquer problemas com travamento ou demora no carregamento. Isso significa que você poderá executar a maioria dos games mais recentes.

Avaliamos também a capacidade de processamento do dispositivo. Com o uso do Quadrant, o Xperia P atingiu uma pontuação quase tão boa quanto a do LG Optimus 2X. Ao testar o desempenho para navegação na web, este smartphone intermediário obteve resultados similares aos do Samsung Galaxy S II na análise do Vellamo. Confira os resultados:

Ampliar (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Ampliar (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

É interessante notar que, apesar de não ser um produto top de linha, o Xperia P vem preparado para armazenar uma grande quantidade de dados. Os 16 GB de memória interna são mais do que suficientes para guardar uma enorme quantidade de músicas e manter uma série de apps e jogos instalados.

Ideal para o cotidiano

A câmera do Xperia P consegue capturar imagens com alta qualidade, reconhecer rostos e ajustar o foco em poucos segundos. Vale salientar que ela oferece boa qualidade para fotografias em ambientes com pouca iluminação. O flash não é muito potente, mas serve muito bem para aqueles momentos em que é preciso um pouco mais de luz.

(Fonte da imagem: Divulgação/Sony)

Para quem gosta de ouvir música sem o uso de fones, o Xperia P pode até oferecer grande utilidade. Em nossos testes, executamos arquivos de áudio em volume alto e quase não percebemos distorções. Quanto ao uso de fones, não temos quaisquer queixas.

A bateria do Xperia P não é das mais potentes, mas isso não quer dizer que ela vá deixar você na mão. É perfeitamente possível aproveitar games, navegar nas redes sociais e ouvir músicas sem que a energia se esgote. Em nossa análise, o aparelho aguentou mais do que seis horas seguidas com o Wi-Fi ativado e o uso de diversos recursos.

Reprovado

Desatualizado

É muito decepcionante ver que a Sony não incluiu o Ice Cream Sandwich neste aparelho. Basicamente, essa limitação significa que você não poderá executar softwares e jogos mais recentes. Além disso, tal inconveniente obriga você a conviver com uma interface ultrapassada e sofrer com a falta de diversos recursos que poderiam facilitar sua vida.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Em teoria, seria possível atualizar da versão de fábrica, a 2.3.7, para a 4.0. Na prática, não tivemos sucesso ao tentar realizar a instalação do novo software. Vale salientar que o Xperia P não apresentou baixo desempenho por conta desse problema, por isso esse defeito não deve afetar no uso do aparelho.

A tela mostra seus defeitos

Ainda que ofereça boa qualidade, a tela do Xperia P não é perfeita. Fazemos referência aqui ao grande trunfo do dispositivo, a tecnologia WhiteMagic. Ainda que ela consiga bons níveis de brilho para o uso em ambientes com excesso de luz, esta ferramenta também é capaz de estragar a reprodução das imagens de forma drástica.

É de ficar boquiaberto com a alta distorção na exibição das cores. Os tons azuis tendem para os verdes, alguns pigmentos de amarelo se aproximam do marrom e os segmentos mais escuros das imagens ficam muito esbranquiçados. Felizmente é possível corrigir isso diminuindo manualmente o brilho da tela.

Vale a pena

Talvez o Xperia P não seja a melhor opção de Android, mas ele é um produto que acompanha o ritmo do cotidiano. Tela, câmera e som de boa qualidade fazem parte do pacote oferecido. Se você não faz questão de ter um smartphone com tela gigante, este aparelho é excelente.

(Fonte da imagem: Divulgação/Sony)

Você pode encontrar este modelo por valores que giram próximo de 1,2 a 1,3 mil reais. Para nós, este preço parece extremamente válido, pois o Xperia P oferece alto desempenho e tem um design muito elegante.

Cupons de desconto TecMundo: