(Fonte da imagem: Divulgação/Thermaltake)

Há alguns meses, a Thermaltake apresentou sua nova linha de fones para os gamers mais exigentes e entre os modelos mais cobiçados estava o TtEsports Shock Gaming. À venda por preços que vão dos R$ 180 aos R$ 240, o headset traz uma série de recursos muito interessantes. Mas será que vale a pena investir a quantia no produto?

O Tecmundo analisou o gadget para trazer as impressões mais completas sobre ele. Confira todos os pontos positivos e negativos do headset Thermaltake TtEsports Shock Gaming, que pode ser encontrado em diversas lojas de informática. Confira tudo o que achamos sobre o dispositivo.

Aprovado

Qualidade de som

É inegável que a qualidade sonora do headset Thermaltake TtEsports Shock Gaming é impressionante. Com amplo espaço para rebote, os graves reproduzidos nas saídas de áudio conseguem resultados muito bons. Agudos e médios também são tocados de maneira excelente e não levam qualquer tipo de reclamação.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Boa parte dessa qualidade sonora se dá pelos conectores banhados a ouro, que são responsáveis por uma condução muito mais rápida e fiel – e isso se aplica também ao plug do microfone. Falando sobre o microfone, ele também é responsável pela captação dos sons externos, o que é essencial para o sistema de isolamento acústico.

Como acontece com boa parte dos headsets com “Noise Cancelling”, o microfone identifica ruídos para equalizar o áudio reproduzido de uma maneira que todos os sons do ambiente sejam “cancelados” – isso pode ser claramente notado quando o volume está acima dos 70%.

Perfeito para jogos

O headset Thermaltake TtEsports Shock Gaming é realmente um gadget para gamers. Criado por uma das maiores empresas especializadas no segmento – a Thermaltake, que compete diretamente com a Corsair –, ele oferece alguns recursos muito importantes para quem quer disputar partidas nos mais diversos jogos.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Simulando um sistema de som surround, o headset ainda permite que os jogadores sintam como se estivessem cercados de caixas de som de alta potência (parecido com o que acontece nos cinemas). Quando os games são programados para melhores experiências sonoras, é possível simular até mesmo uma disposição sonora em 360 graus.

Por fim, o gadget oferece um sistema “in-line” de controle de som. Isso significa que ele possui um controlador acoplado ao cabo, permitindo que os gamers alterem o volume de seus computadores sem precisar de nenhuma configuração adicional – ou seja, sem ter que sair do jogo ou acessar as configurações dele.

Flexível e dobrável

Uma das principais vantagens do microfone acoplado ao headset é a flexibilidade que ele apresenta. Dessa maneira, fica difícil que haja qualquer dano ao funcionamento do aparelho, mesmo em casos de impacto acidental. Mas não apenas essa parte do equipamento foi criada com flexibilidade.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Por ser dobrável, os consumidores que optarem pelo Thermaltake TtEsports Shock Gaming poderão guardá-lo em mochilas e bolsas sem qualquer problema – e ele é, inclusive, vendido com uma capa de proteção inclusa. Isso garante facilidade no transporte para quem quer utilizar o fone não somente em casa, mas também em competições.

Outra vantagem está nos dez níveis de abertura da tiara, que é essencial para o conforto de pessoas com  os mais diferentes tamanhos de cabeça. Dessa maneira, dificilmente algum gamer irá reclamar de dores nas orelhas por causa de um headset muito apertado.

Reprovado

Pouca discrição

É verdade que o Thermaltake TtEsports Shock Gaming é um headset para gamers, mas muitos consumidores procuram um gadget que possa ser utilizado também em outras situações, não apenas em jogos de computador. Por ser criado com uma estrutura grande, ele pode incomodar as pessoas que preferem fones mais discretos.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Além disso, o peso dele pode ser um incômodo após alguns minutos de utilização. Quando estiver parado, dificilmente alguém vai se sentir desconfortável, mas basta caminhar um pouco com o Thermaltake TtEsports Shock Gaming para perceber que o peso dele pode causar algumas dores no pescoço.

Captação do microfone

Em nossas análises, o único momento em que sentimos que poderia haver algum problema com o Thermaltake TtEsports Shock Gaming foi quando testamos o microfone dele. Apesar de ser flexível e possuir um conector banhado a ouro, o sistema de captação deixa a desejar em vários momentos.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

É preciso falar muito alto e muito perto da ponta do microfone para que ele consiga enviar a voz ao computador. Em situações de jogo – quando os ânimos estão alterados –, isso não parece ser um grande problema. Já em outros casos, como conversas pelo Skype, o volume baixo do microfone é realmente um incômodo.

Vale a pena?

Em uma primeira análise, pagar cerca de 200 reais em um headset não parece uma opção muito saudável para o bolso. Mas é preciso notar que os fones criados para gamers costumam seguir uma faixa de preço similar – e indo muito além em alguns casos. Com isso em mente, temos que pensar nas qualidades do gadget.

A relação custo-benefício dele é excelente. Por essa razão, se você é um gamer e pode gastar a quantia pedida pela Thermaltake, certamente deve fazer isso. E mesmo se você não costuma jogar, mas quer um fone de alta qualidade para seu computador, ele é excelente. Por outro lado, se você procura um fone de ouvido mais móvel, talvez seja melhor procurar algum modelo mais leve e discreto. 

Cupons de desconto TecMundo: