O LG Optimus 2X é o primeiro smartphone a contar com um processador dual-core, trazendo em seu hardware um poderoso chip Tegra 2. Fato que inclusive está registrado no Guiness Book, o Livro dos Recordes.  

E quando a LG resolveu criar o aparelho, ela realmente caprichou em suas especificações. Mesmo hoje, praticamente um ano após o seu lançamento na Coreia do Sul, o smartphone ainda se mostra robusto, sendo um dos mais rápidos disponíveis no mercado.

Por isso mesmo, uma análise deste excelente celular não poderia faltar no Tecmundo. Confira a seguir tudo o que o Optimus 2x tem para oferecer.

Aprovado

Design

O desenho do Optimus 2X é muito bonito. As suas linhas curvas ficam em um ponto intermediário, lembrando o design do iPhone, e também sendo muito semelhante ao Galaxy S da Samsung. Já a tampa traseira do aparelho é o que realmente se destaca.

Design do Optimus 2X é bonito (Fonte da imagem: Divulgação/LG)

Além de vir em uma cor diferenciada (um marrom bem escuro), ela conta com um detalhe na horizontal feito em aço escovado posicionado no meio, logo abaixo da câmera, que lhe confere um design realmente exclusivo.

Rapidez de processamento

O Optimus 2X é rápido. Apesar de contar com “apenas” 512 megabytes de memória RAM, o aparelho compensa isso com todo o poder do Tegra 2. E isso nós conseguimos observar de várias maneiras.

Um exemplo foi em testes de benchmark feitos no celular (realizados por nós do Tecmundo), nos quais comparamos o score do Optimus 2X com o de outros smartphones. Com isso, foi possível perceber que ele fica sempre entre os cinco com melhor desempenho (em rankings compartilhados pela internet) – tomando a dianteira mesmo se o colocarmos lado a lado com alguns mais robustos, como o Motorola Atrix.

Além disso, um dos sites mais famosos voltados a smartphones com o sistema Android, o AndroidMe, fez vários testes de comparação, mostrando o poder do aparelho.

Tegra 2 (Fonte da imagem: Divulgação/NVIDIA)

Já em trabalhos mais focados no uso propriamente dito do Optimus 2X, ele também mostrou um desempenho muito eficiente, tanto em games mais pesados (como Shadowgun e Dead Space) como também na execução de várias tarefas simultâneas, não apresentando nenhuma lentidão perceptível.

Bateria

O aparelho parece ter ajustado de forma aceitável as exigências de consumo do Android — de acordo com o seu hardware. Isso porque, mesmo trazendo uma bateria com “tamanho-padrão” entre os smartphones, 1.500 mAh de potência, o Optimus 2X  mostrou desempenho satisfatório.

Com o celular sendo exigido em vários momentos, seja com a navegação na internet ou a execução de jogos, a bateria durou entre sete e nove horas (em dias diferentes e com graus de experiência distintos) antes de pedir por uma nova recarga – isso com 3G e busca por redes Wi-Fi ligados o tempo todo.

Tela e touch

A tela de 4 polegadas do Optimus 2x mostra um tamanho bastante agradável. Nela, você é capaz de realizar várias ações desejadas com muita tranquilidade, como jogar games ou assistir a vídeos, visualizar fotografias ou digitar textos. 

A tecnologia IPS ajuda na boa definição das imagens, mesmo que a resolução não seja das mais altas para um aparelho dual-core: 480 x 800 pixels. 

Os toques na tela também respondem muito bem aos comandos, mesmo que não apresentem a (praticamente) perfeita resposta que podemos encontrar no Samsung Galaxy S II ou no iPhone 4S, por exemplo. Por fim, o multitouch é capaz de responder a até 10 toques ao mesmo tempo – algo valioso em games ou na digitação de textos com as duas mãos.

Duas câmeras e filmes em full HD

Para os fotógrafos de plantão, o Optimus 2x também não decepciona. O aparelho conta com duas câmeras: uma frontal, de 1,3 megapixels, que é voltada para videoconferências, e outra principal que traz um potente flash em LED e 8 megapixels de resolução.

O software da câmera apresenta uma quantidade muito grande de configurações, sendo possível ajustar  ISO, balanço de branco, modos de disparo, efeitos de cor, estabilização e foco. O melhor é que tudo pode ser marcado para detecção automática ou ser determinado pela pessoa por trás do aparelho.

As fotos tiradas com o Optimus 2x no geral ficam boas e agradam bastante. Alguns recursos, como as imagens panorâmicas, mostraram muita qualidade, pois o celular explora com maestria a resolução da câmera e a eficiência dos sensores de movimento do aparelho.

Os vídeos em full HD ficam razoavelmente bons, porém a taxa de frames por segundo cai bastante, ficando em 24 FPS. Mesmo assim, trata-se de um recurso muito interessante, principalmente se levarmos em conta a saída HDMI do aparelho.

Saída HDMI

Se ter a chance de fazer vídeos em full HD com o celular é bom, melhor ainda é poder ligá-lo na televisão e mostrar tudo para a família inteira. O Optimus 2X conta com uma saída HDMI na sua parte superior, e isso é uma verdadeira mão na roda para a conexão do aparelho em TVs e monitores.

O melhor é que o recurso trabalha “espelhando” a imagem do celular, ou seja, mesmo que um game ou vídeo esteja sendo reproduzido na televisão, este continua aparecendo, também, no celular.

Reprovado

Fotos azuladas

As fotos tiradas com o Optimus 2X ficaram em geral muito boas, entretanto pequenos problemas foram percebidos. O foco automático apresenta certa “dificuldade” para funcionar em alguns momentos, focalizando determinado local e perdendo o ajuste logo em seguida.

Outro ponto nesse sentido é com relação às cores das fotos. Em vários de nossos testes as imagens se mostraram um pouco azuladas, mesmo com ajustes manuais no balanço de branco e tipo de exposição.

Aplicativos LG

O Optimus 2X traz vários aplicativos já instalados em sua interface. Contudo, muitos deles não se apresentam como a melhor escolha para tais funcionalidades. Como exemplos podemos citar o “Twitter for LG” e o “Facebook for LG”, ambos os programas com desempenho muito inferior aos softwares oficiais disponíveis no Android Market.

Além disso, há também a presença de aplicativos sem grande utilidade, como o “Espelho” que, como o seu nome já sugere, funciona como um espelho de mão que lança mão da câmera frontal do aparelho para trazer o “reflexo” do dono do celular.

Tampa frágil

Apesar do design muito bonito oferecido pela tampa traseira do Optimus 2X, essa parte do aparelho mostra alguns pequenos problemas. Abri-la, por exemplo, é uma tarefa um pouco complicada e exige muito cuidado por parte de quem o fizer.

Além disso, o material de construção também mostra bastante fragilidade e, após certo tempo de uso, ela começou a fazer pequenos barulhos, como se já não estivesse encaixando com perfeição ao corpo do celular.

Falando do corpo do aparelho, podemos citar também a grande área utilizada pelos botões frontais. Há um espaço de quase dois centímetros de comprimento entre o final da tela e a base do aparelho, área que poderia ser comprimida por uma tela um pouquinho maior, por exemplo.

Som baixo

Apesar de em suas especificações técnicas o aparelho alardear recursos de som surround, o fato é que a reprodução de áudio deixa um pouco a desejar. Além de a qualidade não se mostrar como um diferencial, os alto-falantes não apresentam um volume alto de reprodução, ficando bem distante do que é visto no iPhone 4S ou em outros concorrentes.

Vale a pena?

E aí, vale a pena comprar um Optimus 2X? A nossa resposta é sim, e por vários motivos. O aparelho mostra um desempenho excelente, tanto em games como na realização de várias tarefas ao mesmo tempo.

O tamanho da tela fica na média dos aparelhos de sua categoria, e a envergadura do celular, semelhante à do Samsung Galaxy S, não o torna avantajado a ponto de incomodar e não se ajustar ao seu bolso.

A câmera, apesar de mostrar pequeninos problemas, é de qualidade excelente, e a saída HDMI torna possível a conexão do celular em qualquer TV ou monitor de maneira extremamente fácil.

Se você procura um aparelho com processador de dois núcleos, mas não quer gastar todas as suas economias em um smartphone, o Optimus 2X apresenta-se como uma excelente alternativa de compra.