Buscando levar a concorrência com a NVIDIA a um novo patamar, a AMD anunciou oficialmente sua resposta de código aberto ao GameWorks da rival. Com a plataforma GPUOpen, a empresa oferece ferramentas, efeitos gráficos, bibliotecas e kits de desenvolvimento de software interessantes para todos que desejarem mexer nas entranhas de suas placas de vídeo, permitindo que se alcance o maior desempenho possível tanto em jogos quanto em outras tarefas.

Segundo a AMD, a novidade vai permitir que os desenvolvedores de games criem mundos mais belos, complexos e imersivos, ao mesmo tempo que facilitará a aplicação de motores paralelos dentro das GPUs modernas, aumentando seu poder computacional. O mais interessante, no entanto, é o fato de que tudo isso será possível dentro de um sistema open-source, que oferece um desenvolvimento mais acelerado que o do GameWorks.

“Como uma continuação da estratégia que iniciamos com o Mantle, estamos dando ainda mais controle da GPU para os desenvolvedores”, afirmou a empresa, declarando que o objetivo é tornar a criação nos PCs algo tão fácil quanto nos consoles. Para isso, o plano da AMD é disponibilizar a GPUOpen a partir de janeiro por meio do GitHub.

Correndo atrás

O principal ponto fraco da iniciativa da AMD são os dois anos de vantagem que a NVIDIA tem com sua plataforma, mas analistas afirmam que isso não vai se manter por muito tempo, já que ambas as empresas conhecem bem o mercado. “Além de contar com elementos parecidos [com os do GameWorks] e os unir em um pacote, a AMD está indo um passo além e abrindo os funcionamentos internos do conjunto de registro da GPU”, afirma o especialista Jon Peddie.

Segundo o analista, essa atitude vai na contramão da forma como a criação de games tradicionalmente funcionou e permite que os desenvolvedores tenham melhorias de desempenho. Peddie explica que, enquanto antigamente tanto a criadora da GPUOpen quanto a NVIDIA mantinham segredo, agora a AMD tornou possível que programadores qualificados cuidem sozinhos de questões complexas de documentação e suporte. 

O que você espera da nova plataforma de código aberto da AMD, a GPUOpen? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: