AMD Radeon R9 Fury X certamente foi o centro das atenções na conferência que rolou nesta terça-feira (16/06), mas a fabricante foi muito inteligente ao preparar algumas versões que podem atender aos jogadores que necessitam de soluções mais práticas.

No evento, a AMD anunciou três novas placas: a R9 Fury, R9 Nano e um modelo com dois chips gráficos que ainda não tem nome oficial (mas que nós estamos chamando de Fury X2). As placas derivadas da Fury X chamam a atenção por agregarem alto desempenho ao novo visual proposto para esses modelos mais robustos.

A AMD R9 Fury é quase igual a versão X, exceto pelo sistema de refrigeração, que, em vez de ser water cooling, é do tipo air cooling. A fabricante não deu detalhes sobre as diferenças que esta mudança causa no funcionamento do produto, mas é possível que ela trabalhe com temperaturas mais elevadas e talvez não seja a mais apropriada para overclocking.

Já a versão R9 Nano se destaca pelo fato de ser a menor da série. Medindo apenas 15 centímetros de comprimento, esta placa é voltado aos gabinetes com pouco espaço disponível ou aos consumidores que pretende melhorar o fluxo de ar no gabinete. Tanto a Nano quanto a Fury trarão 4 GB HBM, mas ainda não sabemos detalhes sobre a parte de processamento.

Por fim, temos a R9 Fury X2 que em teoria é basicamente uma placa que combina dois chips gráficos idênticos aos da R9 Fury X. Na prática, isso quer dizer que temos o dobro de memória RAM (8 GB HBM), bem como especificações mais robustas. Em teoria, ela seria capaz de alcançar o dobro da performance, mas na prático isso nem sempre é viável.

A AMD já disse que vai lançar a Fury X por US$ 650 no próximo dia 24 de junho, enquanto que a R9 Fury chega por US$ 550 no dia 12 de julho. A placa Nano deve chegar até o fim de agosto ou começo de setembro, e a Fury X2 só deve aparecer nas lojas no fim do ano.

Cupons de desconto TecMundo: