A nova linha de placas de vídeo da AMD ainda é um mistério, ao menos oficialmente. Nos bastidores, são várias as informações que circulam com eventuais nomes de modelos, especificações técnicas e até benchmarks dos próximos modelos da família Radeon.

Um dos modelos flagrados é o de codinome Fiji, ou AMD Radeon R9 390X. A placa seria de 8 GB com memória HBM (High Bandwidth Memory), uma novidade no mercado. A banda de 512 GB/s a 1024 GB/s varia de acordo com a organização das memórias a ser usada. Um método mais barato e simples (mas que ocupa maior espaço) pode ser utilizado pela AMD. Nele, a pilha de memórias ao lado da unidade de processamento, em vez de ficar acima.

De acordo com a fonte chinesa Chiphell, o modelo ainda passou por benchmarks do 3D Mark e de desempenho de jogos que comparam a futura placa da AMD com rivais diretas, como a GeForce GTX Titan X (com seus insanos 12 GB) e a GeForce GTX 980 Ti (nome ainda sob especulação), ambas da NVIDIA.

Os resultados comprovariam a tal potência prometida pela AMD. A Fiji derrota a Titan X por pouco e a GM200 (que é o outro nome da GTX 980 Ti) por uma diferença levemente maior.

Linha intermediária

A fabricante Lenovo lista novas placas da série Radeon M300 nas especificações técnicas de seus laptops para games e multimídia. O modelo Y40 é listado contendo o chip Radeon R9 M375. Além dele, há um processador Intel Core i7 de quarta geração, 16 GB de memória RAM DDR3 e 1 TB de disco rígido. De menor potência, o laptop Lenovo G50-80 conta com a placa Radeon R5 M330 em sua composição.

Os modelos R5 e intermediários de R7 terão de 1 GB a 2 GB de memória DDR3, além de interface 64 bits (podendo chegar a 128 bits na linha R7). Os chips de maior desempenho chegariam a 8 GB de memória DDR3 ou GDDR5, além de interface de 128 bits ou 256 bits.

Cupons de desconto TecMundo: