(Fonte da imagem: Divulgação/AMD)

Nas últimas semanas, alguns boatos sugeriram que a Intel estaria interessada em abandonar os processadores com sockets, que podem ser instalados ou removidos com facilidade, para adotar aos chips do tipo BGA (soldados diretamente na placa-mãe). Até o presente momento, a Intel não confirmou, tampouco desmentiu o falatório.

Agora, a AMD resolveu fazer suas declarações sobre o assunto. Conforme o The Tech Report, a fabricante não vai abandonar os chips com sockets. Chris Hook, chefe de comunicação da AMD, disse que a empresa vai continuar, em 2013 e 2014, com as CPUs FX e a linha de APUs “Kaveri”, as quais utilizarão sockets e serão compatíveis com diversas placas das companhias parceiras.

Para enfatizar ainda mais os planos da companhia, Hook diz que a AMD não tem planos de mudar para o sistema BGA. Ele continua dizendo que a companhia oferece chips desse tipo para notebooks ultrafinos, tablets e outros produtos. Contudo, o executivo ressalta que, no mercado desktop, a empresa construiu sua fama com os entusiastas e sabe que CPUs com socket importam para esses consumidores.

Rumo incerto da companhia

A declaração veio em boa hora, mas não traz grande alívio. A AMD tem passado por problemas financeiros, sendo que alguns rumores recentes até relataram que a empresa estaria pronta para ser vendida (coisa que já foi desmentida).

Os chips para desktop não vêm agradando muito aos entusiastas, que não têm visto grande evolução dos produtos frente aos produtos da Intel. Resta torcer para que a AMD se recupere e continue com CPUs que oferecem a liberdade de escolha (de placas-mãe) ao consumidor.

Cupons de desconto TecMundo: