Slide da apresentação feita pela AMD (Fonte da imagem: Reprodução/Arstechnica )

Dizendo que hoje é um dia histórico para a AMD, o presidente e CEO da companhia, Rory Read, anunciou que a empresa vai começar a produzir processadores baseados na arquitetura ARM, que tem como principal diferencial o baixo consumo de energia.

Os novos chips da família Opterom devem chegar ao mercado em 2014 e contarão com tecnologia 64 bits. Isso dá margem a várias especulações, como o fato de a companhia não estar usando como referência o processador ARM Cortex A15, mas sim desenvolvendo uma tecnologia própria, licenciada pela ARM. O principal foco da empresa com os novos produtos é atender aos grandes datacenters e empresas que trabalham com computação nas nuvens.

Segundo Read, a entrada da AMD em tal mercado significa uma mudança na indústria, uma vez que todos desejam ver mais competição entre as fabricantes de processadores, pois isso é algo capaz de aquecer o mercado – e trazer ainda mais melhorias para todos os envolvidos.

Vale lembrar que, enquanto a Intel domina o mercado de chips para computadores, a ARM vem ganhando terreno com força graças aos processadores desenvolvidos pela companhia para as plataformas móveis, como tablets e smartphones.

Por fim, o CEO também deixou claro que a companhia não vai abandonar a produção dos chips com tecnologia x86, pois ainda existem consumidores que precisam desse tipo de arquitetura.

Fonte: Arstechnica e Gigaom

Cupons de desconto TecMundo: