Engana-se quem pensa que os problemas trabalhistas são um problema apenas do Brasil. Um bom exemplo recente disso é a ação dos trabalhadores da Amazon da Alemanha, que realizaram uma paralisação no último mês de maio. Agora, essa greve pode ganhar mais força.

De acordo com a Reuters, o sindicado Verdi está convocando os trabalhadores do centro de logística da Amazon, em Leipzig, para interromper suas atividades a partir das 18h30 no horário local. Essa paralisação é reflexo da greve iniciada no dia 14 de maio por 600 trabalhadores das instalações de Bad Herfeld e outros 300 em Leipzig.

A greve está sendo feita como forma de exigir um melhor salário para os funcionários, que receberiam aproximadamente 10,66 euros por hora como salário inicial, em vez dos atuais 9,83 euros. O sindicato também pede mais benefícios para os trabalhadores que operam no período noturno.

A Amazon declarou que seus funcionários já recebem um valor acima do praticado por outras empresas de logística na Alemanha. Mesmo assim, a companhia diz estar disposta a negociar com o sindicato, mas não vê, no momento, um ponto em comum para prosseguir com as negociações.

Cupons de desconto TecMundo: