Ainda que muitas empresas já estejam testando seus carros autônomos em vias públicas, poucas já estão permitindo que pessoas de fora experimentem como é andar em um deles. Agora, a divisão de veículos sem motoristas da Alphabet, a Waymo, está iniciando um programa de “passageiros antecipados” na região da cidade de Phoenix, no estado norte-americano do Arizona.

No total, vão ser 600 carros autônomos disponíveis para quem quiser usar a qualquer momento

Algumas centenas de participantes do projeto ganharão acesso à frota de minivans autônomas Chrysler Pacifica que a Waymo está operando por lá. Os felizardos poderão solicitar os carros a qualquer momento e para qualquer necessidade que tenham, indo de simples compras no supermercado até uma visita a amigos. Atualmente, a empresa conta com 100 dos automóveis modificados disponíveis na área, mas esse número deverá ser drasticamente expandido.

A Chrysler deve enviar mais 500 Pacificas para a empresa da Alphabet, que então irá equipá-las com os sensores e outras tecnologias necessárias para que dirijam por aí por conta própria. Ainda assim, isso não significa que os passageiros estarão desamparados em caso de problemas, já que todos os carros autônomos contarão com a presença de um engenheiro no banco do “motorista”.

Concorrência na ativa

Por enquanto, a única outra grande empresa que realizou testes do tipo envolvendo o público em geral foi a Uber, que ofereceu corridas em seus Volvo XC90 modificados no Arizona. A empresa também testou os carros autônomos brevemente na Califórnia, onde foi barrada por conta da falta de autorizações legais e só pode voltar sob a condição de não pegar passageiros comuns.

-----

E se o Tecmundo fizesse eventos presenciais para discutir os temas mais interessantes relacionados a tecnologia? Cadastre-se no Tecspot e saiba tudo em primeira mão!

Cupons de desconto TecMundo: