Não é incomum que designers precisem combinar objetos em 2D e 3D para completar um trabalho, e isso nem sempre é uma tarefa das mais simples. Pensando nessa dificuldade, a Adobe criou uma nova ferramenta chamada Project Felix.

O utilitário é separado em duas partes: um modo de design e outro de renderização. O “design mode” é basicamente uma ferramenta de composição em 3D que conta com alguns recursos inteligentes que detectam automaticamente a iluminação da cena e ajustam a origem da luz para a posição mais adequada. Isso faz com que sombras e reflexos tenham uma aparência realista e adequada. Por padrão, o programa também alinha os objetos com o horizonte.

As mudanças feitas no modo de design podem ser visualizadas em tempo real na guia de renderização, o que facilita bastante o trabalho dos designers. Naturalmente, uma renderização total em qualidade máxima pode demorar algum tempo e exigir bastante poder da GPU, mas a visualização rápida de menor qualidade certamente aumenta a produtividade.

Outra característica interessante é que os designers não precisam se preocupar com polígonos nem configurações avançadas dos itens em 3D, já que os objetos tridimensionais importados não podem ser editados dentro do Felix. Ainda, o Adobe Stock marketplace inclui três novas categorias: 3D models, lights e 3D materials – os assets englobados nessas tags devem facilitar bastante a vida de quem não tem tempo para modelar objetos do zero.

Uma versão beta do Project Felix será liberada para os assinantes da Creative Cloud ainda este ano. É muito comum que a Adobe publique edições de testes de seus novos softwares utilizando o prefixo “Project” antes de liberar as versões finais stand-alone.

Cupons de desconto TecMundo: