Adobe Max 2020: confira os principais anúncios do evento

2 min de leitura
Patrocinado
Imagem de: Adobe Max 2020: confira os principais anúncios do evento
Imagem: Reprodução
Avatar do autor

Em um mundo cada vez mais conectado, distâncias se reduzem com processos criativos remotos – o que acaba exigindo também o uso de ferramentas colaborativas que atendam a diversas necessidades de públicos variados.

Por isso, a o evento Adobe Max 2020 se reinventou. O evento anual da companhia, virtual e gratuito, além de, claro, não deixar de trazer as principais novidades relacionadas aos softwares oferecidos pela empresa.

Mala Sharma, vice-presidente e gerente geral da Creative Cloud, apontou durante o keynote os seguintes dados do relatório State of Creativity 2020: 82% dos entrevistados disseram que os processos mudaram para sempre e 83% afirmaram que é mais importante do que nunca expandir os conjuntos de habilidades. Portanto foi o que norteou os novos caminhos da Adobe.

"A colaboração é essencial em um ambiente remoto, e os profissionais de criação exigem conteúdo personalizado mais do que nunca", disse o executivo.

Aprimoramentos de programas da Adobe foram destaque do eventol (Fonte:  Reprodução)

Entre os lançamentos, novas funcionalidades voltadas justamente a trabalhos em equipe desenvolvidos a distância foram anunciadas durante a conferência – como a possibilidade de geração de links públicos para a inserção de feedbacks em documentos em nuvem dos programas Photoshop, Fresco e Illustrator, que disponibilizam, inclusive, os históricos de versões anteriores e a capacidade de incorporar documentos em nuvem em aplicativos. Marcar textos em arquivos do InDesign é outro recurso inédito.

Entretanto, as revelações não pararam por aí, já que os softwares da Adobe chegaram a lugares em que ainda não estavam presentes.

Lançamentos e aprimoramentos

Illustrator logo desembarcará no iPad, tablet da Apple, trazendo mais de 18 mil fontes e experiências exclusivas. Além disso, o Fresco ganhará suporte a iPhones e responderá a mudanças de pressão na tela (e o Aero receberá um novo aplicativo móvel, assim como uma versão beta para PCs).

Quanto a outras soluções, o Adobe XD incluirá o 3D Transform – um recurso útil para realidade aumentada que permite aos designers mover e girar objetos para trazer profundidade e perspectiva – e outras bibliotecas do CC, permitindo o compartilhamento com Photoshop, Illustrator e InDesign.

Aliás, falando de Photoshop, a nova versão contará com cinco recursos de inteligência artificial – enquanto o Lightroom receberá diversas atualizações, como a presença de grade de cores em todas as plataformas, mudanças visuais, ferramentas de aprendizado e tutoriais.

Por fim, o lançamento do InDesign em 2020 se concentrou na eficiência e nos fluxos de trabalho criativos para compartilhamento de designs, gerenciamento de feedback e melhor colaboração (After Effects, Premiere Pro e Premiere Rush não ficaram de fora, com novidades de navegação, sobreposições de gráficos e acréscimos de conteúdo).

Novos recursos de inteligência artificial chegam ao Photoshop.

Novos recursos de inteligência artificial chegam ao Photoshop. (Fonte:  Reprodução)

A partir de agora, aplicativos, ativos criativos, bibliotecas e documentos em nuvem estarão todos armazenados em um só lugar, na solução para desktop da Creative Cloud, que oferecerá mais detalhes e opções de ajuda nas páginas de categorias. Administradores de TI também poderão distribuir plugins e integrações por meio de um painel aprimorado.

Vários desses lançamentos já estão disponíveis, enquanto outros seguem em desenvolvimento. Para conferir o conteúdo completo do Adobe Max 2020, basta clicar aqui.

Adobe Max 2020: confira os principais anúncios do evento