Por mais que já tenhamos progredido consideravelmente, ainda é fato que as tecnologias de exibição de imagens tridimensionais ainda deixam muito a desejar em comparação com o que todos sonhamos desde os famosos hologramas de Star Wars. Enquanto a maioria das telas 3D dependem de óculos especiais incômodos, outras até imagens com profundidade, mas que ainda estão longe de saltar aos nossos olhos.

No entanto, cientistas da Universidade de Swinburne, na Austrália, estão trabalhando com uma tecnologia de displays com projeção tridimensional que usa uma mistura do material mais promissor do futuro, o grafeno, com lasers. Como resultado, a novidade poderá fazer as imagens literalmente flutuarem logo acima da tela.

O sistema se baseia no uso combinado de óxido de grafeno e regras físicas complexas envolvendo lasers para fazer o conteúdo exibido ser projetado sem a necessidade de truques com óculos especiais. Ao mudar o índice de refração do display, os pesquisadores conseguem criar efeitos 3D que estão muito mais avançados do que qualquer outra coisa que já podemos ver no mercado.

Em uma galáxia distante

Por mais empolgante que o trabalho seja, no entanto, é preciso que controlemos nossa ansiedade, já que a tecnologia ainda está em seus estágios iniciais de desenvolvimento e teste. Dessa forma, é bastante provável que ainda passem muitos anos antes que finalmente possamos usar o Skype para enviar um holograma pedindo a ajuda de Obi-Wan Kenobi. 

Cupons de desconto TecMundo: