Você já deve ter visto como os efeitos especiais para o cinema são produzidos, sobretudo em cenas que reproduzem seres míticos, super-heróis entre vários outros personagens – se não viu, acesse aqui. Em todo caso, aqui vai um spoiler: os atores usam trajes especiais montados com sensores e até bolinhas de ping pong presas às roupas para capturar movimentos em 3D; um software interpreta as movimentações das bolas que serão convertidas em movimentos do personagem.

Porém, pesquisadores da Carnegie Mellon desenvolveram um método melhor para a caputura que envolve a movimentação dos atores que são, posteriormente, substituídos por criações em CGI. A ideia deles é quase tão simples como prender bolas de ping pong às roupas, mas bem menos constrangedora para o ator que tem que se vestir assim e sem as limitações do atual sistema.

O segredo para conseguir isso está na utilização de centenas de câmeras baratas para rastrear visualmente milhares de pontos e estimar o seu movimento ao longo do tempo. Não há limites para a quantidade delas, contanto que sejam suficientes em número para o tipo de movimento a ser capturado. Para montar o teste, os pesquisadores criaram uma cúpula geodésica de dois andares com nada menos do que 480 câmeras em toda a sua superfície interior.

O novo sistema é capaz de capturar 100 mil pontos diferentes em movimento e sem distinção alguma dos alvos, ou seja, não é necessário adaptar sensores e roupas especiais em atores. Um software, que permite a mágica de unir todas as imagens, se encarrega de usar as câmeras e registrar os pontos de qualquer coisa que se mova dentro da cúpula. O rastreamento 3D é tão preciso que ele pode realmente capturar cada partícula individual de um punhado de confetes jogados para o ar.

Contudo, essa não é a melhor parte do novo método. De fato, o sistema não requer uma cúpula e pode ser escalonado para cima e para os lados quase indefinidamente. As aplicações para o novo sistema são inúmeras, mas dá para se ter uma ideia de que ele será usado principalmente na industria do cinema e de jogos. Outro uso para a tecnologia seria para as competições esportivas como um tira-teima, só que em três dimensões. Acompanhe os vídeos abaixo e veja como a mágica acontece.

Cupons de desconto TecMundo: