Cometer equívocos tecnológicos é algo que volta e meia acontece. Não é difícil ver diretores e presidentes de grandes empresas indo a público explicarem o porquê da ausência de determinados itens, dos problemas que podem ocorrer com o equipamento etc.

O caso da Samsung é apenas mais um. A empresa lançou um reprodutor de Blu-ray portátil que tinha a incrível capacidade de exibir imagens em 3D! Sim, 3D, a nova mania do cinema e da televisão em um aparelho capaz de ser transportado para qualquer lugar.

O aparelho é realmente bom, com uma tela de 10,3 polegadas, conexão Wi-Fi e suporte para vários aplicativos com o “Samsung Apps” que permite a você baixar e ver filmes da web diretamente no aparelho, sem nenhum auxiliar. Mas, na hora do 3D, o Samsung BD-C8000 não é tão eficiente assim, pelo menos não sozinho.

3D?

Sozinho, o Samsung BD-C8000 reproduz tanto 3D quanto qualquer monitor CRT, ou seja, nada. Esse é o grande problema, ele só reproduz imagens em 3D se você possui uma televisão com suporte para exibições em 3D, o que significa que ele praticamente não tem nenhuma vantagem em relação a outros dispositivos de reprodução de Blu-ray.

Samsung BD-C8000: 3D mas nem tanto. Fonte: Divulgação/Samsung

Samsung BD-C8000: 3D, mas nem tanto. Fonte: Divulgação/Samsung

É claro que ele é portátil, mas no que diz respeito à exibição de conteúdo em três dimensões, ele funciona como qualquer outro. Você insere o disco e só visualiza em 3D se uma televisão com esse recurso estiver conectada (e recebendo a transmissão) do Samsung BD-C8000.

Para completar, o Samsung BD-C8000 possui apenas 1 GB de memória interna para armazenamento, o que não garante a você nenhum filme de verdade em alta definição baixado da internet e armazenado no dispositivo. Ele custa 500 dólares, algo em torno de 900 reais.

Cupons de desconto TecMundo: