Estudante do MIT cria computador com interface em 3D

1 min de leitura
Imagem de: Estudante do MIT cria computador com interface em 3D
Avatar do autor

Um estudante do MIT (Massachusetts Institute of Technology, nos Estados Unidos) chamado Jinha Lee criou um computador com interface em três dimensões e que funciona de forma diferente de tudo o que você já viu. Chamado de SpaceTop 3D, a invenção leva o usuário para dentro da máquina, permitindo que você consiga mexer no Windows utilizando as duas mãos, por exemplo.

Você se lembra daquele filme “Minority Report”, no qual o galã Tom Cruise realiza investigações utilizando um computador do futuro? Lançando mão de vários gestos bem espalhafatosos, ele consegue vasculhar arquivos e encontrar aquilo que procura.

Pois é, parece até que o jovem se baseou na ideia vista nas telonas – principalmente quando você acompanha o invento funcionando no vídeo demonstrativo logo acima. As semelhanças (guardadas as devidas proporções, é claro) são enormes.

Como funciona?

A criação de Jinha Lee não conta com tecnologias holográficas. O SpaceTop 3D traz uma tela de LED transparente e que utiliza todo o poder do processamento gráfico em 3D para criar uma espécie de ambiente ilusório em três dimensões.

Lidando com modelagens em 3D (Fonte da imagem: Reprodução/Jinha Lee)

Por meio de duas câmeras, uma que segue os movimentos da sua mão e outra o seu olhar, o sistema consegue obedecer às suas ordens em tempo real. Assim, a interface do PC é capaz de se ajustar aos movimentos dos seus olhos, isso enquanto você manipula dados utilizando as mãos.

Com toda essa parafernália combinada e trabalhando junta, basta olhar dentro da “moldura” para enxergar os arquivos ou programas funcionando em uma interface totalmente em três dimensões.  Na demonstração, é possível perceber que objetos e arquivos podem ser manipulados da mesma forma que vimos nos cinemas.

Para o futuro

Segundo Jinha Lee, a sua invenção é parte de algo que representa o alcance a algumas novas fronteiras de inovação para o mundo do design. De acordo com ele, cada vez mais nós veremos a convergência entre os mundos físico e digital, o que deve significar uma grande revolução para o desenvolvimento dos trabalhos colaborativos e a criação de ambientes para tarefas múltiplas.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Estudante do MIT cria computador com interface em 3D