A empresa japonesa Burton desenvolveu um equipamento, baseado na tecnologia apresentada pela Universidade de Keio em 2006, capaz de criar imagens 3D reais no ar ou debaixo da água por meio de raios laser de plasma. Confira o dispositivo em funcionamento no vídeo acima, veiculado pelo site DigInfo TV.

De acordo com Hoyato Watanabe, a maioria dos aparelhos 3D usa uma ilusão de ótica para produzir os efeitos de profundidade (o clássico esquema de copiar o frame e descolá-lo levemente). Contudo, o “True 3D Display” utiliza raios laser para criar pontos luminosos no ar e reproduzir as imagens, possibilitando que os objetos tridimensionais sejam visualizados naturalmente.

O sistema é capaz de gerar cerca de 50 mil pontos luminosos por segundo, o que representa de 10 a 15 frames por segundo. Segundo Watanabe, o grupo de desenvolvimento trabalha para aumentar essa taxa para até 30 frames por segundo.

A princípio, a intenção é utilizar essa tecnologia para a sinalização digital. Porém, ela pode oferecer recursos para a análise de objetos 3D. Se a precisão do dispositivo for melhorada, ele também poderá ser utilizado na área da saúde.

Cupons de desconto TecMundo: