API é o acrônimo de Application Programming Interface ou, em português, Interface de Programação de Aplicativos.

Esta interface é o conjunto de padrões de programação que permite a construção de aplicativos e a sua utilização de maneira não tão evidente para os usuários.

API é a “matrix” dos aplicativos, ou seja, uma interface que roda por trás de tudo: enquanto você usufrui de um aplicativo ou site, a sua API pode estar conectada a diversos outros sistemas e aplicativos. E tudo isso acontece sem que você perceba.

Mas como e onde funciona?

Ela funciona através da comunicação entre diversos códigos, definindo assim comportamentos específicos de determinados objetos em uma interface. Ou seja, a API irá interligar diversas funções em um site (por exemplo, busca de imagens, notícias, artigos, etc.) de modo a possibilitar que possam ser utilizadas em outras aplicações.

Sistemas operacionais também possuem APIs e elas continuam tendo a mesma função. O Windows, por exemplo, possui APIs como a Win16 API, Win32 API ou Telephony API, em todas as suas versões. Ao executar um programa que envolva algum processo do sistema operacional, é provável que ele faça uma conexão com alguma API do Windows.

API

Exemplos

Para clarear o conceito de API, vou dar alguns exemplos de como ela funciona. No Windows, ela funciona num aplicativo que se utilize do relógio do sistema, por exemplo, para exibir a mesma função dentro do programa ou então associar algum comportamento a determinada hora do relógio.

Quando o assunto é web, a funcionalidade da API pode ser ainda maior. Existem diversos serviços que disponibilizam seus códigos para serem utilizados em outros sites. Talvez o melhor exemplo disso seja o Google Maps. Diversos outros sites utilizam este serviço dentro de suas páginas, usando o código original e adaptando-o da maneira mais conveniente.

Assim, quando você acessa uma página de um guia de restaurantes em sua cidade, por exemplo, pode visualizar sua localização através de um mapa fornecido pelo Google Maps. Isto é realizado através da API. Através dela, desenvolvedores de softwares e programadores da web podem criar belos programas e páginas, repletos de conteúdo para seus usuários.

. . . .

Além de sistemas operacionais e páginas da web, APIs são encontradas também em tocadores de mídias e conectam as funções de áudio e de vídeo em serviços de transmissão. É uma API que permite e realiza, de fato, a transmissão de áudio e vídeo da grande rede para o seu computador. Enfim, APIs diferentes estão presentes em navegadores, aplicativos de variadas linguagens e para variadas finalidade.

Este foi mais um artigo-definição direto da redação do Baixaki para todos os nossos usuários. Como sempre, eu espero que as informações tenham sido passadas de maneira clara e compreensível, de modo que todos possam entender o que se trata esta sigla e também onde ela está presente. Abraços a todos e tenham uma boa semana.