A espera dos fãs da Google chegou ao fim nesta terça-feira (29): após muitos rumores e informações vazadas, a empresa finalmente revelou sua nova geração de smartphones Nexus. Produzidos respectivamente pela LG e pela Huawei, os modelos 5X e 6P marcam a estreia oficial do sistema operacional Android M.

Os novos dispositivos apostam em uma combinação entre software eficiente e um hardware potente para capturar a atenção dos consumidores. Novamente, a linha proprietária da Google estabelece uma nova base sobre a qual outras fabricantes vão precisar trabalhar caso queiram conquistar a atenção — e o dinheiro — dos consumidores.

Especificações técnicas – Nexus 6P

  • Sistema operacional: Android 6.0 Marshmallow
  • Tela: 5,7 polegadas com Gorilla Glass 4
  • Resolução da tela: 2560x1440 pixels
  • Densidade de pixels: 518 ppi
  • Chipset: Snapdragon 810 v 2.1
  • CPU: Octa-core (quad-core Cortex A53 de 1,55 GHz e quad-core Cortex A 57 de 2.0 GHz)
  • GPU: Adreno 430
  • Memória: 3 GB de memória LPDDR3
  • Armazenamento interno: 32 GB, 64 GB ou 128 GB
  • Câmera traseira: 12,3 megapixels com pixels de 1,5 microns, abertura de f/2.0, foco automático auxiliado por IV, captura de vídeos em 4K (30 fps) e flash duplo CRI-90 de espectro amplo
  • Câmera frontal: 8 megapixels com pixels de 1,4 microns, abertura de f/2,4 e captura de vídeos em HD (30 fps)
  • Bateria: 3.450 mAh
  • Conectividade: 4G LTE, NFC, Bluetooth 4.2
  • Sensores: sensor de impressão digital, acelerômetro, giroscópio, barômetro, sensor de proximidade, sensor de luz ambiente, sensor de efeito Hall e Sensor Hub de Android
  • Portas e conectores: USB Tipo-C, entrada de áudio de 3,5 mm e entrada única de Nano SIM
  • Áudio: alto-falantes estéreo duplos frontais e 3 microfones (2 frontais, 1 traseiro) com cancelador de ruído
  • Dimensões: 159,3 x 77,8 x 7,3 mm
  • Peso: 178 gramas

Especificações técnicas – Nexus 5X

  • Sistema operacional: Android 6.0 Marshmallow
  • Tela: 5,2 polegadas com Gorilla Glass 3
  • Resolução da tela: 1920x1080 pixels
  • Densidade de pixels: 423 ppi
  • Chipset: Snapdragon 808
  • CPU: Hexa-core de 64 bits (dual-core ARM Cortex A57 e quad-core A53)
  • GPU: Adreno 418
  • Memória RAM: 2 GB de memória LPDDR4
  • Armazenamento interno: 16 GB ou 32 GB
  • Câmera traseira: 12,3 megapixels com pixels de 1,5 microns, abertura de f/2.0, foco automático auxiliado por IV, captura de vídeos em 4K (30 fps) e flash duplo CRI-90 de espectro amplo
  • Câmera frontal: 5 megapixels com pixels de 1,4 microns e abertura f/2.0
  • Bateria: 2.700 mAh
  • Conectividade: 4G LTE, NFC, Bluetooth 4.2
  • Sensores: sensor de impressão digital Nexus Imprint, Sensor Hub, Acelerômetro, giroscópio, barômetro, sensor de proximidade, sensor de luz ambiente, sensor de efeito Hall e Context Hub de Android
  • Portas e conectores: micro USB Tipo-C, entrada de áudio de 3,5 mm e entrada única de Nano SIM
  • Áudio: alto-falante único frontal e 3 microfones (1 frontal, 1 em cima, 1 embaixo)
  • Dimensões: 147 x 72,6 x 7,9 mm
  • Peso: 136 gramas

Android 6.0 Marshmallow

O Nexus 6P e o Nexus 5X marcam a chegada oficial do sistema Android 6.0 Marshmallow aos consumidores, que traz uma série de ajustes e melhorias. Ao contrário do que aconteceu com a versão Lollipop, que introduziu toda uma nova linguagem de design, a empresa decidiu trabalhar em cima de uma base já estabelecida para criar experiências ainda melhor.

As mudanças incluem detalhes na seleção de textos, no controlador de volume e na presença de atalhos que facilitam tarefas cotidianas como copiar e colar textos. Além disso, a companhia retrabalhou a tela de bloqueio da plataforma, que passa a exibir detalhes sobre a bateria disponível, incluindo o tempo necessário para recarregá-la totalmente caso o dispositivo usado esteja conectado a uma tomada.

A companhia fez melhorias no recurso Voice Action, que permite usar praticamente qualquer função do sistema operacional usando somente a voz. O Marshmallow amplia as interações através desse meio, permitindo que aplicativos terceirizados façam proveito do assistente de voz da Google — durante a apresentação, a companhia mostrou como o app da rádio NPR opera de forma mais inteligente graças à integração com a solução.

Outras mudanças incluem animações de janela que acompanham o princípio Material Design e a exibição de notificações de maneira mais consistente. Agora, os usuários ganham mais facilidade na hora de dispensar avisos ou destacá-los de forma a obter mais detalhes ou responder rapidamente uma mensagem, por exemplo.

A área de seleção de aplicativos também foi aprimorada, ganhando um novo sistema de organização baseado no alfabeto, que é complementado por um sistema de buscas que utiliza o teclado-padrão. Assim como acontece com outros serviços da empresa, essa área opera de forma inteligente e fornece sugestões de aplicativos baseado em seus hábitos de uso — a organização se baseia tanto no horário do dia quanto na ordem que você costuma abrir seus apps.

Apps pré-instalados e bateria

Com o Android 6.0 Marshmallow, a empresa promete reduzir substancialmente a quantidade de aplicativos pré-instalados que tomam espaço na memória da linha Nexus. Para isso, a companhia optou por um novo sistema que só vai oferecer a instalação de um software caso o usuário decida utilizá-lo em algum momento.

O mesmo princípio se aplica às permissões do sistema operacional, que agora passam a operar de forma menos intrusiva. Em vez de ter que concordar com todas as condições impostas por um app, você só vai ter que fornecer uma permissão quando a função desejada requisitá-la — no Twitter, por exemplo, só vai ser preciso fornecer acesso ao GPS caso você decida publicar uma mensagem que indique sua geolocalização.

A Google também apostou no sistema “Now on Tap”, que usa o poder de buscas da empresa para integrar as funções oferecidas por diferentes aplicativos. Ao receber uma mensagem de texto indicando um restaurante, por exemplo, você pode segurar o botão Home de seu aparelho para fazer uma reserva, realizar uma ligação telefônica e obter direções para o local através de um aplicativo de mapas.

Para completar, o Android 6.0 Marshmallow promete aumentar a duração da bateria dos dispositivos compatíveis ao introduzir um novo sistema que entra em operação durante o modo repouso. A novidade, conhecida como “Doze Mode”, encerra processos de maneira mais inteligente e prioriza as ações mais utilizadas pelos usuários no momento em que o smartphone acorda.

Segundo a empresa, a novidade é capaz de aprimorar em até 30% a duração da bateria dos modelos anteriores do Nexus 5 e do Nexus 6 em comparação ao que era oferecido pelo Android Lollipop. Naturalmente, são o Nexus 5X e o Nexus 6P que vão se beneficiar mais da novidade graças a baterias com capacidade de armazenamento aprimoradas.

A nova versão do Android vai vir pré-instalada nos dois novos smartphones e deve começar a ser distribuída no começo de outubro para outros produtos da linha Nexus. Entre os dispositivos compatíveis estão os modelos 5, 6, 7 e 9, além do reprodutor multimídia Nexus Player — produtos de outras fabricantes devem começar a receber a atualização em breve, e nomes como Samsung, LG e Sony já confirmaram estar trabalhando com o sistema.

Design

O destaque entre os lançamentos da Google é o Nexus 6P, primeiro aparelho da marca a contar com um acabamento em metal. O produto adota uma linguagem de design semelhante a seu antecessor direto, se diferindo pelo emprego de materiais de alta qualidade como a tela com a tecnologia Gorilla Glass 4 — o 5X apresenta a Gorilla Glass 3.

Com um perfil compacto e tamanho leve, os dois smartphones têm como principal destaque o leitor de impressões digitais Nexus Imprint. A solução foi colocada na parte traseira do chassis para se ajustar perfeitamente à maneira natural como os usuários costumam segurar seus smartphones — além de oferecer uma camada adicional de segurança, a solução também agiliza pagamentos através do Android Pay.

Enquanto o Nexus 5X opta por uma única saída de áudio frontal, o Nexus 6P adota um sistema estéreo voltado a melhorar a experiência multimídia transmitida pelo aparelho. Ambos os aparelhos utilizam uma nova filosofia de design que permitiu à LG e a Huawei investirem em tamanhos de tela ampliados que tomam 70% da parte frontal dos aparelhos, que não parecem tão grandes quanto modelos semelhantes fabricados pela concorrência.

Uma mudança sensível que deve ser notada principalmente durante o uso dos aparelhos é a inclusão de conexões USB Tipo-C. Além de oferecer velocidades de transferência de dados aprimorada, a tecnologia traz como vantagem não possuir um “lado certo”, o que evita irritações na hora de conectar os produtos a um computador ou a uma fonte de energia.

Câmera fotográfica

Segundo a Google, o grande destaque do Nexus 6P e do Nexus 5X é a câmera principal dos novos aparelhos, que compartilham essa especificação. Os produtos empregam um novo sensor fotográfico de 12,3 megapixels produzido pela Sony que apresenta pixels maiores do que os encontrados na maioria dos smartphones do mercado.

Com tamanho de 1,5 microns, os pixels devem permitir que os aparelhos capturem fotografias mais belas em ambientes com pouca iluminação. Durante a apresentação dos gadgets, a Gigante das Buscas destacou suas capacidades de registrar momentos em ambientes internos, fazendo comparações diretas tanto com dispositivos da linha Nexus quanto com o iPhone 6s Plus.

O sensor traseiro também é capaz de gravar vídeos em qualidade 4K em 30 quadros por segundo e possui um novo modo de disparo rápido. A Google não entrou em detalhes sobre possíveis melhorias de software que tirem proveitos das capacidades avançadas disponibilizadas pelo sensor.

No Nexus 6P, os consumidores encontram um sensor frontal de 8 megapixels voltado a captura de selfies em alta qualidade. Já no Nexus 5X, o sensor empregado possui capacidade de 5 megapixels, o que deve resultar em imagens com uma qualidade um pouco menor — em ambos os modelos, a câmera frontal adota pixels com tamanho de 1,4 microns.

Data de lançamento e preços

O Nexus 6P tem lançamento confirmado nos Estados Unidos, Reino Unido, Irlanda e Japão, com preços que variam dependendo do modelo escolhido. A versão básica, de 32 GB, sai por US$ 499, enquanto a opção de 64 GB sai por US$ 549 — já aqueles que optarem pela versão de 128 GB vão ter que desembolsar US$ 649 pelo produto.

Já o Nexus 5X vai ser vendido em duas variações: a de 16 GB (US$ 379) e a de 32 GB (US$ 429). A Google inicia a pré-venda de ambos os dispositivos ainda nesta terça-feira (29) com a promessa de entregá-los aos consumidores a partir do final de outubro deste ano de forma totalmente destravada.

Quem comprar os novos dispositivos vai receber 90 dias de uso gratuito do serviço Google Play Music, e nos Estados Unidos a empresa oferece US$ 50 em créditos adicionais para a compra de aplicativos em sua loja proprietária. Os smartphones também marcam a estreia do novo sistema de proteção Nexus Protect, que serve como uma espécie de garantia estendida.

Por pagamentos que vão de US$ 69 (no Nexus 5X) a US$ 80 (Nexus 6P), a companhia oferece um ano adicional de garantia contra erros de fabricação (além do ano oferecido a todos os compradores) e um sistema que repara danos gratuitamente. Além de proteger os smartphones contra batidas e quedas, a solução promete oferecer um aparelho substituto em até um dia útil para os consumidores que tiverem problemas com seus gadgets.

Além da loja oficial Google Store, a empresa deve disponibilizar os smartphones em redes como a Amazon e a Best Buy em um momento futuro. Infelizmente, não há indícios de que os produtos podem ganhar um lançamento oficial no Brasil, situação que repete o que aconteceu no anúncio das versões anteriores da linha Nexus.