Na última quinta-feira (6), a Microsoft esclareceu algumas das dúvidas e dos rumores relacionados aos sistemas de conexão do Xbox One e à forma como o console vai lidar com jogos usados. O texto, publicado por Major Nelson, comprova muitas das informações que haviam surgido na internet após a apresentação oficial do aparelho.

Segundo a empresa, donos do aparelho vão ter que se conectar à internet ao menos uma vez a cada 24 horas para que uma verificação automática ocorra — prazo que é de somente uma hora caso você esteja usando sua conta pessoal no video game de outra pessoa. Caso o prazo não seja respeitado, o console bloqueia a reprodução de jogos até que uma conexão seja estabelecida — funções como TV e a reprodução de filmes em Blu-ray e DVD continuam funcionando.

A empresa também confirmou que todos os games do console vão ter lançamento simultâneo nos meios físicos e digitais, sendo que cada um deles fica atrelado à sua conta da Microsoft. É possível acessar toda a sua biblioteca de títulos a partir de qualquer console e, segundo a empresa, há a opção de compartilhar os jogos contidos nela com até 10 familiares.

A companhia afirma que deixar o console conectado permanentemente à internet vai permitir o acesso à nuvem mesmo quando você não está jogando. Além disso, a organização diz que isso vai trazer mais comodidade aos consumidores, que não vão depender mais do uso de discos para acessar os conteúdos comprados.

Jogos usados e aluguéis

A Microsoft também esclareceu alguns pontos de sua política de jogos usados, afirmando que será possível vender games antigos em lojas credenciadas sem nenhuma taxa adicional (algo que fica a critério de cada produtora). Além disso, também será possível dar discos usados para amigos sem pagar nada por isso, contanto que eles estejam em sua lista de contatos na Xbox LIVE há pelo menos 30 dias — atitude que só pode ser tomada uma única vez.

(Fonte da imagem: Reprodução/BBC)

A empresa também deve incorporar um sistema que permite ceder a licença de um jogo para outra pessoa através do meio online sem que um lojista precise se envolver no processo. Para finalizar, a organização afirma que o video game não vai suportar o empréstimo ou a locação de games em seu lançamento, mas já estão sendo estudados métodos para tornar isso possível.

Segundo a empresa, para obter uma experiência otimizada com o aparelho será preciso ter uma conexão de internet de no mínimo 1,5 Mbps. Nos locais em que uma conexão ethernet não estiver disponível, será possível conectar o console “através da banda larga móvel” — a Microsoft só não deixa claro se isso se refere a sinais 3G, WiFi ou à conexão através de smartphones atuando como roteadores.

Via Baixaki Jogos

Cupons de desconto TecMundo: