O último sistema operacional da Microsoft, o Windows 10, está no mercado há quase um ano e, embora muitas pessoas não tenham gostado da estratégia agressiva da empresa para forçar a migração, o fato é que a gigante de Redmond tem conseguido números bem expressivos e a base de SO é cada vez maior.

Segundo uma publicação no blog oficial do Windows, o Windows 10 já está instalado em 350 milhões de dispositivos. “Nós gostaríamos de agradecer a cada um de vocês que atualizaram para o Windows 10. Com mais de 350 milhões de dispositivos rodando o sistema, a satisfação dos clientes é maior do que em qualquer outra versão anterior do Windows, e o engajamento dos clientes também é incrível, com mais de 135 bilhões de horas de uso no SO desde o lançamento”, diz a nota.

A Microsoft aproveitou a ocasião para anunciar o Windows 10 Anniversary Update, uma atualização especial que deve chegar no dia 2 de agosto trazendo novas possibilidades. Também foram destacados alguns dos recursos do sistema, como o Windows Defender, a assistente Cortana e o navegador Microsoft Edge.

O crescimento na adopção do Windows 10 está relacionado ao fim do upgrade gratuito que é oferecido para quem tem uma cópia original do Windows 7, 8 e 8.1. A atualização poderá ser executada até o dia 29 de julho deste ano e, após esse prazo, quem quiser usar o SO terá que pagar pelo menos R$ 470 por uma licença.

Atualmente, segundo a StatCounter, o Windows 7 ainda se mantém na liderança, com 42% de participação de mercado. O Windows 8.1 tem 8,68%, e o descontinuado Windows 8 apenas 3%. O velho XP ainda possui uma base de 6,5%, enquanto que o Mac OS Xe o Linux mantêm suas posições, com 10% e 2%, respectivamente.

Cupons de desconto TecMundo: