(Fonte da imagem: Divulgação/Wi-Fi)

Por não pedirem senha ou qualquer outra forma de identificação, as redes públicas de internet Wi-Fi são alvos fáceis para invasores que querem acessar os dados dos aparelhos móveis ligados a essas redes (ou apenas roubar o tráfego da internet para si). Mas uma atualização nessas conexões pode começar a identificar esses malandros – e garantir ainda mais qualidade ao serviço.

A Wi-Fi Alliance anunciou que já está testando gadgets e a infraestrutura necessária para receber a tecnologia Passpoint, anunciada já há algum tempo, que permitirá que celulares e tablets encontrem e se conectem a redes públicas oficializadas pelo serviço, mas somente depois de passar por uma autenticação automática pelo cartão SIM e outras especificações de hardware.

Os pontos de acesso que receberem o Passpoint ainda garantem mais segurança do que as redes convencionais. As primeiras redes serão espalhadas por países que já se mostraram interessados na tecnologia, como Japão, França, Estados Unidos, Inglaterra e Coreia do Sul (nada do Brasil). Mas só em 2013 os equipamentos devem começar a funcionar oficialmente.

Fonte: Wi-Fi Alliance

Cupons de desconto TecMundo: