Imagem de Fallout: New Vegas
Imagem de Fallout: New Vegas

Fallout: New Vegas

Nota do Voxel
85

Apenas uma expansão gigantesca ou muito mais do que isso?

Os RPGs ocidentais estão cada vez mais impactantes. Há cerca de uma década, o mundo só queria saber de títulos como Final Fantasy, Dragon Quest e outros exemplos de origem nipônica. Felizmente, o cenário mudou drasticamente, trazendo muito mais variedade ao público gamer. Sim, os JRPGs, como são conhecidos, continuam bombando, mas agora temos muitas outras opções interessantes.

Uma delas é a série Fallout, que, em 2008, ganhou grande atenção na mídia com Fallout 3. Aclamado pela crítica e pelos jogadores, o terceiro jogo da série trazia um universo riquíssimo, no qual o jogador encarnava um dos sobreviventes de um ataque nuclear que devastou todo o mundo.

O título trouxe muitas mecânicas inovadoras e, mesmo sendo na perspectiva de primeira pessoa, manteve alguns elementos clássicos do gênero. Uma combinação quase perfeita, se não fossem alguns probleminhas técnicos que acabaram denegrindo a experiência. Mesmo assim, não há como negar: Fallout 3 é um jogão.

Img_normalOs fãs puderam desfrutar de mais de 100 horas de jogo graças a uma campanha robusta e dezenas de missões secundárias. Como se não bastasse, a Bethesda, responsável pelo game, resolveu lançar várias expansões para manter os jogadores animados.

A maior surpresa, contudo, chegou com o anúncio de um novo jogo da série. Antes mesmo de lançar todas as expansões para Fallout 3, a companhia revelava Fallout: New Vegas, um game completamente novo e que seria vendido assim como qualquer outro. À primeira vista, a notícia não animou muito, principalmente pelo fato de Fallout 3 ainda ser recente — recebendo expansões. Será que teríamos apenas mais uma expansão disfarçada de jogo?

O TecMundo Games resolveu tirar a prova com a análise do game. Podemos afirmar que sim, Fallout: New Vegas tem muito em comum com o terceiro jogo da série. Entretanto, isso não é necessariamente algo ruim, já que estamos falando de um dos jogos mais aclamados pela crítica.

Em suma, Fallout: New Vegas é um presentão para os fãs e para quem nunca teve a oportunidade de conferir o terceiro jogo. Boa parte dos elementos que consagraram o jogo nesta geração continua intacta, mas ainda temos algumas melhorias e novidades. Infelizmente, alguns problemas também pegaram carona e a engine, a mesma do game anterior, começa a mostrar sua idade. Mesmo assim, nada que acabe com um dos títulos mais expressivos dos últimos anos.

Fallout: New Vegas é um excelente game para quem é fã da franquia e também para quem nunca teve a oportunidade de desfrutar do fenomenal Fallout 3. As semelhanças com o terceiro jogo da série estão por toda parte, mas temos várias novidades interessantes que aprimoram a fórmula já consagrada pela crítica e pelos jogadores. Ideal para quem ficou com aquele “gostinho de quero mais” quando completou Fallout 3.