Imagem de Dungeon Siege III
Imagem de Dungeon Siege III

Dungeon Siege III

Resumo

Embora tenha começado como uma franquia da Gas Powered Games, na terceira edição de Dungeon Siege quem puxa as cordas é a Obsidian Entertainment — a mesma por trás de Neverwinter Nights 2, Alpha Protocol e Fallout: New Vegas. Mas nenhuma mudança visceral por aqui. Dungeon Siege III mantém a fórmula baseada em fantasia medieval e doses nada econômicas de ação, em um estilo muito semelhante ao de Diablo.

Com espadas e magias você vai cortar aranhas e dragões ao meio, guardando algum tempo depois para juntar os despojos deixados para trás pelos monstros. Naturalmente, armas armaduras e poções também podem ser conquistadas com incursões masmorra adentro e muita exploração de cenário.

Dungeon Siege III é focado inteiramente na pancadaria cooperativa, trazendo as tradicionais divisões em classes. Entre elas, o Guardian (guardião) e o Archon (arconte, um magistrado da Grécia antiga). Armado pesadamente com escudo, armadura e espada, o Guardian é o principal guerreiro aqui. O guerreiro conta ainda com duas posições distintas de combate: uma para ataques rápidos a curta distância, outra mais indicada para conter multidões de inimigos — com golpes mais lentos e menos concentrados.

O Archon é o típico lançador de magias de combate. Enquanto o Guardian constitui a comissão de frente em uma partida cooperativa, o Archon será aquele sujeito postado na retaguarda do grupo, valendo-se da posição segura para lançar bolas de fogo e projéteis de área. Pode-se jogar Dungeon Siege III tanto com um parceiro de carne e osso quanto com a I.A (inteligência artificial) do jogo.

Comentários

Conteúdo disponível somente online