Imagem de Dragon Ball: Origins 2
Imagem de Dragon Ball: Origins 2

Dragon Ball: Origins 2

Goku reencontra suas origens no Nintendo DS

Criado por Akira Toriyama, nos idos de 1986, e publicados em 42 volumes da tradicional revista japonesa Weekly Shonen Jump, o mangá Dragon Ball se transformou em uma febre mundial, cujos sintomas ainda se manifestam mais de duas décadas após o seu lançamento.

Com o sucesso nas páginas do mangá vieram as adaptações para a televisão, com uma das mais extensas e rentáveis franquias de animes de todos os tempos. Livremente inspirado na lenda chinesa Viagem ao Oeste, Dragon Ball mostrou as aventuras do pequeno Son Goku, um garoto com cauda de macaco que percorre o mundo em busca das míticas Esferas do Dragão.

O começo simples deu lugar a uma epopeia cósmica recheada de elementos fantásticos e monstros alienígenas. A franquia Dragon Ball ganhou proporções tão gigantescas que a própria Toei Animation — estúdio responsável pelos animes — resolveu reescrever toda a história, cortando mais de 191 episódios e reduzindo toda a trama para míseros cem capítulos, devidamente remasterizados.

Na mesma linha a Game Republic resolveu retomar as origens da série nos video games. Apostando no estilo aventura e na fama do Nintendo DS, a desenvolvedora japonesa voltou para os primórdios de Dragon Ball, recontando o início da série.

Dragon Ball: Origins, lançado em 2008, conseguiu trazer com muita propriedade os dois primeiros arcos de história da série: Imperador Pilaf e o Torneio de Artes Marciais. Agora, Dragon Ball: Origins 2 dá sequência à trama mostrando a saga Red Ribbon.

Dragon Ball: Origins 2 é essencial para a biblioteca de jogos de qualquer fã da franquia. As limitações do título são superadas pela qualidade do material original — leia-se: os personagens e a história de Akira Toriyama.

Além disso, mesmo quem não tem muita afinidade com a linha Dragon Ball ainda pode se divertir com um belo jogo de aventura. A jogabilidade é interessante e os gráficos de boa qualidade. Dragon Ball: Origins 2 não é um jogo perfeito, mas não decepciona.