Homem é condenado à prisão por usar auxílio para comprar carta de Pokémon

1 min de leitura
Imagem de: Homem é condenado à prisão por usar auxílio para comprar carta de Pokémon
Imagem: Polygon

Vinath Oudomsine, morador do estado da Geogia (Estados Unidos), foi condenado a três anos em uma prisão federal por usar um empréstimo do governo para comprar uma carta rara de Pokémon.

Oudomsine havia dito ser dono de um pequeno negócio com 10 empregados. Por conta dessa declaração, ele recebeu um empréstimo de 85 mil dólares, o qual era parte do pacote de auxílio do governo dos EUA a negócios afetados pela pandemia. Esse empréstimo foi dado no fim de 2020, com o propósito específico de pagar empregados e aluguéis.

Entretanto, por volta de outubro de 2021, o Departamento de Justiça do país acusou Oudomsine de usar parte do empréstimo de US$ 57.789 (cerca de R$ 292 mil) para comprar uma carta de Pokémon. De fato, uma carta foi vendida por esse exato valor em dezembro de 2020. A carta em questão? Um Charizard de 1999, em estado quase perfeito de conservação.

Foto da carta em questão. No topo, a avaliação do item feita por uma empresa especializada em colecionáveis.Foto da carta em questão. No topo, a avaliação do item feita por uma empresa especializada em colecionáveis.Fonte:  PWCC 

Além de três anos em uma prisão federal, Oudomsine precisará pagar uma multa de 10 mil dólares e restituir os 85 mil dólares que havia recebido. Após a prisão, ele passará por um período de três anos em "liberdade supervisionada".

Oudomsine também concordou em entregar o Charizard para as autoridades.


Você sabia que o TecMundo está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.