Preço das ações da Sony cai 13% após Microsoft comprar a Activision

1 min de leitura
Imagem de: Preço das ações da Sony cai 13% após Microsoft comprar a Activision
Imagem: Sony
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.

Depois de a Microsoft anunciar o processo de aquisição da Activision Blizzard, o preço das ações da Sony despencou, com queda de 13%. Embora possa soar como pouca coisa, essa porcentagem foi uma pancada multibilionária.

De acordo com informações do Bloomberg, a fabricante do PlayStation teria perdido aproximadamente US$ 20 bilhões de valor de mercado em apenas um dia graças à ação do Xbox. Esta seria a maior queda da empresa desde 2008.

Essa grana fortíssima não simplesmente saiu dos cofres da Sony, é claro, significando apenas que a reação do mercado fez com que o valor unitário de cada ação da empresa fechasse custando um pouco menos. O esperado é que a gigante japonesa dos games se recupere em breve.



Para Amir Anvarzadeh, da Asymmetric Advisors, "a Sony vai ter um desafio monumental em mãos" daqui para a frente. Segundo ele, "com Call of Duty possivelmente sendo adicionado exclusivamente ao Game Pass", os ventos não estão a favor do PlayStation.

Com mais de 25 milhões de assinantes do Xbox Game Pass, a Microsoft anunciou ontem estar adquirindo a Activision Blizzard, adicionando a empresa ao crescente catálogo do Xbox Game Studios. A transação foi efetuada com as ações sendo compradas a US$ 95, fechando um valor total de quase US$ 69 bilhões.