Bandai Namco pode estar envolvida na sequência de Killer Instinct [rumor]

1 min de leitura
Imagem de: Bandai Namco pode estar envolvida na sequência de Killer Instinct [rumor]
Imagem: Microsoft/Divulgação
Avatar do autor

Um novo rumor afirma que a Bandai Namco pode estar envolvida na sequência de Killer Instinct, o jogo de luta exclusivo da Microsoft produzido pela Double Helix e, posteriormente, pela Iron Galaxy.

Levando em conta que a Nintendo tem seu grande jogo de luta exclusivo em Super Smash Bros. e a Sony garantiu um contrato de exclusividade com Street Fighter, da Capcom, como fica o Xbox nessa história? Embora tenha uma porção de títulos do gênero produzidos por outros estúdios disponíveis para o Xbox, não há nenhum game de luta exclusivo se destacando no lado verde da Força.

Pelo menos por enquanto. Afinal, um boato publicado pelo Windows Central diz que não apenas a Microsoft estaria se preparando para lançar uma continuação de Killer Instict, como potencialmente teria ajuda da Bandai Namco no processo.

Em dezembro do ano passado, a Microsoft contratou Erin Piepergerdes, veterano com extensa carreira em jogos de luta, mais especificamente em Mortal Kombat. Ele atuou na série desde a longínqua era da Midway Games até a Netherrealm, sendo uma aquisição e tanto para a MS — principalmente se a ideia for trabalhar em jogos de luta no futuro próximo.

Além disso, o jornalista Jez Corden do Windows Central afirma ter ouvido um rumor circulando nos bastidores acerca de uma parceria entre Microsoft e Bandai Namco, reforçando porém que até o momento não conseguiu confirmar a informação com suas fontes. De qualquer forma, a MS já havia dito anteriormente que é mais vantajoso trabalhar com um estúdio já existente do criar um novo para trabalhar especificamente em jogos de luta, o que pode indicar que o boato tenha algum fundo de verdade.

Lançado em 2013 para o Xbox One, o reboot de Killer Instinct é gratuito e ganhou três temporadas, a última delas chegando ao console em 2016. De lá para cá, o jogo não recebeu maiores atualizações, mas a MS segue firme e forte com os servidores do jogo ligados, permitindo aos fãs continuarem jogando o título — o que indica que há demanda para o game. Quem sabe investir na IP seja uma decisão acertada por parte do time de Phil Spencer?