Battlefield: a EA quer criar um universo conectado da franquia

1 min de leitura
Imagem de: Battlefield: a EA quer criar um universo conectado da franquia
Imagem: EA
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.

A recepção de Battlefield 2042 pode não ter sido das melhores, mas a EA está determinada a manter a franquia no centro das atenções, a expandindo em novas direções e conquistando novos fãs no processo, mais ou menos como a concorrente Call of Duty vem fazendo nos últimos anos.

Em entrevista ao site Gamespot, Vince Zampella, o supervisor da série Battlefield, explicou que a meta atual é "continuar evoluindo e crescendo Battlefield 2042, e nós vamos explorar novas experiências e modelos de negócios ao longo do caminho, ver o que pode ser adicionado à fundação para gerar coisas novas para os jogadores."

"Nesse universo, o mundo todo estará interconectado com personagens e narrativa compartilhadas. Naturalmente, ele será construído com a comunidade na medida em que pegamos o poder do Portal e do conteúdo gerado por usuários, colocando o poder criativo nas mãos dos fãs."

Infelizmente ainda não há maiores detalhes sobre como exatamente tudo isso vai acontecer já que os planos ainda estão em estágio inicial, mas é bem provável que eles envolvam mais jogos, como o já anunciado Battlefield Mobile, ou os boatos que giram ao redor de um título inédito no gênero battle royale. Se a EA estiver usando a Activision como exemplo, certamente isso faria bastante sentido.

Vamos ter que esperar para ver se os planos ousados da produtora serão tão bem sucedidos quanto os do seu concorrente direto. O que você achou dessa ideia? Comente a seguir!