Bug em Far Cry 6 prende jogadores em loops de mortes instantâneas

1 min de leitura
Imagem de: Bug em Far Cry 6 prende jogadores em loops de mortes instantâneas
Imagem: Ubisoft/Divulgação
Avatar do autor

Far Cry 6 chegou na semana passada trazendo uma novidade: o salvamento do jogo agora é totalmente automático, sem a opção de os jogadores registrarem seus progressos manualmente.

A ideia da Ubisoft parece ter sido a de dar ao game a sensação de que as ações dos players têm consequências, impossibilitando o retorno a momentos antes de situações saírem do controle ou de um ataque que deu errado, por exemplo.

Embora no papel a funcionalidade seja legal, jogadores estão pagando o preço pela inovação: seus jogos salvaram automaticamente momentos antes de seus personagens morrerem, e agora sempre que carregam o game são levados imediatamente para o momento de suas mortes.

É claro que a situação, ao mesmo tempo hilária e revoltante, seria levada para o Reddit, onde usuários estão compartilhando seus últimos momentos no jogo, quando o sistema salvou seus progressos apenas alguns segundos antes de morrerem no game. Independente do que façam, sempre que tentam jogar novamente, voltam para o loop de morte/loading/morte — e não de um jeito legal, como em Deathloop — fazendo com que percam horas de progresso.

Quando questionado pelo Kotaku sobre a situação, um representante da Ubisoft disse que o time de desenvolvimento de Far Cry 6 está estudando o problema e buscando "uma correção permanente". Enquanto o patch não é liberado, a Ubi sugere que jogadores que estejam presos no loop de morte peçam para algum outro player juntar-se à partida no modo cooperativo — o que, supõe-se, deve gerar um carregamento diferente, quebrando o loop.

Far Cry 6 tem versões para PlayStation 5, PlayStation 4, Xbox Series X|S, Xbox One e PC.

Imagem: Jogo Far Cry 6, PC
Imagem: Tecmundo Recomenda

Jogo Far Cry 6, PC

Bem-vindo a Yara, um paraíso tropical que parou no tempo. Anton Castillo, o ditador de Yara, pretende resgatar a glória do seu país a qualquer custo, junto com seu filho, Diego, que é tão sanguinário quanto o pai.

Fontes