Steam Deck pode ser incompatível com alguns jogos no lançamento

1 min de leitura
Imagem de: Steam Deck pode ser incompatível com alguns jogos no lançamento
Imagem: Valve/Divulgação
Avatar do autor

O Steam Deck, portátil da Valve com lançamento previsto para dezembro, chamou a atenção de gamers ao redor do mundo quando foi anunciado em julho deste ano. Prometendo rodar todos os jogos da Steam a qualquer hora e em qualquer lugar, o pequeno console pode acabar sendo incompatível com alguns títulos quando chegar ao mercado.

A promessa de total suporte aos jogos listados na Steam foi feita por Pierre-Loup Griffais, desenvolvedor da Valve, em conversa com a IGN. Na ocasião, Griffais mencionou que o Steam Deck é capaz de rodar todos os jogos atualmente disponíveis na plataforma.

Aparentemente as coisas não são bem assim. Pelo menos é isto o que afirma James B. Ramey, Presidente da Codeweavers. A empresa ajudou a desenvolver o Proton, um importante software que permite ao sistema operacional do Steam Deck reconhecer e rodar jogos para Windows no Linux, que virá pré-instalado no portátil.

Sistema operacional do Steam Deck atualmente oferece suporte a cerca de 16 mil jogosSistema operacional do Steam Deck atualmente oferece suporte a cerca de 16 mil jogosFonte:  Valve/Divulgação 

Compatibilidade de jogos no Steam Deck

De acordo com Ramey, atualmente o Proton é compatível com cerca de 16 mil títulos disponíveis na Steam — ou seja, há games para os quais o portátil ainda não oferece suporte.

O Presidente Codeweavers afirmou acreditar que a promessa de rodar todos os jogos disponíveis agora na Steam pode ter sido feita de forma equivocada. "Não acho necessariamente que [Griffais] se referia a jogos suportados pelo Proton", disse Ramey durante sua participação no podcast Boiling Steam. Para ele, o desenvolvedor da Valve quis dizer que o pequeno console tem poder de hardware o suficiente para dar conta dos games, mesmo os mais pesados.

Ainda assim, o comandante da Codeweavers acha que a situação será diferente no futuro. Ele acredita que os esforços para ter mais e mais jogos compatíveis com o Proton serão contínuos, com um número cada vez maior de títulos recebendo suporte para funcionar no Steam Deck.