Sony é processada por 'monopólio' de games digitais na PS Store

1 min de leitura
Imagem de: Sony é processada por 'monopólio' de games digitais na PS Store
Imagem: PlayStation
Avatar do autor

A Sony está sendo processada nos Estados Unidos por "monopolizar" a venda de jogos digitais na PlayStation Store. Segundo a ação legal registrada em San Francisco, a empresa não está dando escolhas para o consumidor, principalmente para os donos do PS5 Digital Edition, que não aceita jogos em disco.

Desde 2019, a Sony não distribui códigos de jogos digitais para lojistas como Amazon, Walmart e Best Buy. Com isso, se o usuário optar pela mídia digital no PS4 ou PS5, a única forma de adquirir o produto é por meio da loja disponível nos consoles da marca.

Fonte:  Eurogamer 

De acordo com o processo, a venda de jogos digitais somente na PlayStation Store configura um monopólio e permite que a Sony pratique os preços que quiser na plataforma. Os documentos também apontam que os jogos vendidos digitalmente pela empresa são mais caros que a mídia física.

O processo diz que alguns jogos digitais chegam a ser 175% mais caros que as edições físicas, mesmo que a distribuição tenha custos menores. Antes de chegar ao consumidor, as cópias em disco passam por fabricação da mídia e diferentes etapas de logística e transporte, o que não ocorre com a versão digital.

Até o momento, a Sony não comentou oficialmente sobre o assunto. Enquanto o processo pode fazer a diferença para todos os usuários do PS4 e PS5, a ação legal é especialmente interessante para quem possui um PlayStation 5 Digital Edition.

Lançado no ano passado, o PS5 Digital Edition é o primeiro console da Sony a rodar exclusivamente jogos em mídia digital. O console chegou ao mercado com preço menor que a versão do PlayStation 5 com suporte para mídia física, mas o jogador está limitado aos preços que são praticados na PlayStation Store.

Sony é processada por 'monopólio' de games digitais na PS Store