Assassin’s Creed: escritor gostaria de ambientar jogo no Brasil

1 min de leitura
Imagem de: Assassin’s Creed: escritor gostaria de ambientar jogo no Brasil
Imagem: Ubisoft/Reprodução
Avatar do autor

A fantasia histórica de Assassin’s Creed permite que dezenas de cenários possam ser especulados para o próximo game da franquia. Dessa vez, um dos escritores do título sugeriu um cenário bastante familiar para nós: o Brasil.

Alain Mercieca, que trabalhou em AC: Valhalla e AC: Origins, revelou o desejo de ver o grupo de assassinos em solo brasileiro em uma entrevista divulgada nesta segunda-feira (12), pelo site The Gamer.

“Eu sinto que há uma rica cultura na América do Sul que a marca ainda precisa explorar totalmente, dos Incas aos conquistadores espanhóis. É uma época muito fascinante. Embora Black Flag tenha falado em parte sobre isso, estou me sentindo (mais atraído) pela região brasileira”, revelou Mercieca.

Assassin's CreedO artista Diogo Carneiro já imaginou como seria Assassin's Creed ambientado em solo nacionalFonte: Diogo Carneiro/Divulgação

Apesar de citar nominalmente o nosso país, esse não é um indicativo de que o próximo game será ambientado por aqui. Até porque o profissional também citou outro local em que ele acharia interessante basear a história.

“Existem muitas (possibilidades) para escolher. Como alguém obcecado por história, você poderia me deixar animado com um grupo de guerreiros em uma sociedade perdida na ilha de Malta”, exemplificou.

Entre os rumores, há quem diga que o título vindouro será baseado no Japão feudal. As informações, que não foram oficializadas, ainda dão conta de que o jogo terá uma única protagonista feminina e que seria lançado exclusivamente para PS5, Xbox Series X/S e PC.

E você, prefere uma ambientação na Ásia ou no Brasil para o próximo Assassin’s Creed? Deixe a sua opinião na seção de comentários abaixo!

Assassin’s Creed: escritor gostaria de ambientar jogo no Brasil