Call of Duty: Warzone bane milhares de cheaters do battle royale

1 min de leitura
Imagem de: Call of Duty: Warzone bane milhares de cheaters do battle royale
Avatar do autor

Infelizmente, é cada vez mais difícil encontrar jogos online que não tenha sido afetados por cheaters, mesmo aqueles com medidas de segurança consideradas invasivas, como Valorant. O jeito que as desenvolvedoras dão é tentar achar suas vulnerabilidades, atualizar o jogo e banir os jogadores que foram encontrados com algum tipo de trapaça.

No caso de Call of Duty: Warzone, por exemplo, houve uma verdadeira onda de banimentos recentemente. A Activision e a desenvolvedora Raven Softwares deram fim em mais de 13 mil contas nesta semana. Embora não tenha especificado o problema com todas essas contas, eles já tinham mencionado que haviam atualizado seu anti-cheat.




Logo, o mais provável é que esses jogadores tenham trapaceado ou cometido outras ofensas graves nas partidas online do popular Battle Royale. O melhor é que essa nem é a primeira onda de jogadores banidos neste mês, já que a Raven Software tinha informado em sua conta do Twitter sobre banimentos realizados no dia 16 de Março.

É claro que isso não é algo novo para o jogo, ainda mais considerando que a Activision relatou no início do ano que mais de 300 mil jogadores tinham perdido suas contas por cauda de trapaças e que essas medidas se tornariam ainda mais frequentes. Esperamos que eles não poupem esforços e continuem a manter o jogo o mais limpo possível, afinal, esse é um dos jogos Battle Royale mais populares atualmente.

E você, já encontrou algum cheater ou jogador meio suspeito enquanto jogava Call of Duty: Warzone? Comente abaixo a sua experiência com esse ou outro jogo com trapaceiros online.

Call of Duty: Warzone bane milhares de cheaters do battle royale