Assassin's Creed Valhalla cobra por Transmog e irrita jogadores

1 min de leitura
Imagem de: Assassin's Creed Valhalla cobra por Transmog e irrita jogadores
Imagem: Ubisoft

Desde o lançamento de Assassin's Creed Valhalla, um dos recursos mais pedidos pelos jogadores era a possibilidade de customizar a aparência de seus equipamentos sem precisar sofrer com perdas de atributos, uma prática conhecida como Transmog.

Após uma longa espera, a Ubisoft finalmente lançou uma atualização implementando oficialmente o recurso, mas nem tudo saiu como era esperado, irritando muitos jogadores e lotando os fóruns virtuais com reclamações. Afinal, fazer o Transmog em Valhalla custa nada menos que 50 Prata por cada item, bem diferente do que vimos em Assassin's Creed Odyssey, onde a prática era gratuita.

Como é possível usar dinheiro real para comprar Prata, os jogadores estão acusando a Ubisoft de ser excessivamente gananciosa em suas microtransações. O preço é especialmente nocivo para quem já está no endgame ou explorou demais o mapa, já que fica progressivamente mais difícil encontrar mais Prata quanto mais você joga.

A Ubisoft ainda não emitiu um novo posicionamento oficial sobre o tema, mas seus gerentes de comunidade disseram estar cientes do feedback dos jogadores e já o repassaram para os desenvolvedores. O jeito é esperar para ver se teremos ou não um patch mudando os custos de Transmog.

Você também acha que a prática deveria voltar a ser grátis? Comente a seguir!

Assassin's Creed Valhalla cobra por Transmog e irrita jogadores