Xbox Series X|S no BR: “Não é fácil trazer no dia um. Queríamos desde 2018”

2 min de leitura
Imagem de: Xbox Series X|S no BR: “Não é fácil trazer no dia um. Queríamos desde 2018”

Parecia que o Natal estava mais próximo do que novembro. A ansiedade humana nubla pensamentos racionais, mas a verdade é que, num piscar de olhos, taí: a nova geração de consoles chegou. Nessa corrida, o Xbox sai na frente, e isso inclui o território brasileiro. Series X e Series S serão lançados nesta terça-feira, 10 de novembro de 2020, em países seletos do mundo, incluindo o nosso.

Mas trazer dois videogames ao Brasil no almejado “day-one” mundial, ou, em tradução livre, o “dia um”, envolve uma série de etapas e desafios logísticos relacionados à cadeia de distribuição: alinhamento com equipes gringas, homologação, precificação, resoluções junto aos varejistas e outros pormenores.

Para trazer um pouco desses bastidores, o Voxel conversou com Bruno Motta, gerente de operações da marca Xbox no país, e buscou alguns dos segredos por trás de tantas decisões - que, se necessário, podem estar sujeitas a “plano A, B, C, D e E”, de acordo com o executivo, e não necessariamente sacramentadas.

-Bruno Motta, responsável pelas operações da marca Xbox no Brasil.
Fonte:  - 

Os desafios logísticos do dia um mundial

Para quem não se lembra, na Brasil Game Show de 2018 já começou a se articular o desejo de trazer os dois consoles ao país no lançamento mundial, tal qual ocorreu em 2013 com o Xbox One. Essa já era uma meta clara e traçada pela divisão Xbox Brasil.

“Desde outubro de 2018 queríamos trazer [o Xbox Series X e o Series S] no dia um ao Brasil. (...) A BGS 2018 foi quando falei sobre isso pela primeira vez. A gente sabe que o Brasil tem uma cadeia logística maior, não é fácil, sabemos das especificidades”, contou o executivo.

A posição privilegiada do Brasil no mapa mundial dos jogos coloca o país no alto radar da Microsoft. “É o quarto maior mercado de games do mundo. O Brasil é super-relevante e nossos planos sempre foi trazer [os novos consoles] no primeiro dia. E num ano atípico como esse...sabíamos que queríamos ter os dois: um é o suprassumo da tecnologia, o modelo mais premium, e o outro conta com toda a arquitetura de nova geração, o SSD, o Smart Delivery, o Quick Resume, os novos recursos”, explicou.

--Fonte:  Divulgação/Microsoft 

Redução do IPI e “fãs em primeiro lugar”

No dia 26 de outubro de 2020, o governo anunciou uma redução de 10% sobre o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) aplicado em consoles e acessórios. O decreto foi publicado no Diário Oficial da União no dia seguinte ao anúncio, em 27/10. Tão logo isso aconteceu, o Xbox Brasil se posicionou com relação aos preços do Xbox Series X e do Series S previamente anunciados. Respectivamente, eles foram reajustados de R$ 4.999 e R$ 2.999 para R$ 4.599 e R$ 2.799 (valores sugeridos).

“Pegamos o começo da notícia, na segunda [dia 26/10], e já começamos a traçar o plano. Quando [a redução do IPI] se confirmou na terça de manhã, executamos. Fizemos o alinhamento com nossos parceiros, varejo e envolvidos. Os produtos já estavam no Brasil. Já havíamos pago a tarifa anterior, de 40%. Pensamos em quem comprou na pré-venda. Para nós, é importante colocar o consumidor e fã em primeiro lugar e não seria diferente dessa vez”, pontuou Motta.

--Fonte:  Divulgação/Microsoft 

O gerente também falou sobre o que pensa do atual status da marca Xbox como um todo, estoque do Xbox Series X no Brasil e receptividade à pré-venda no país. Essa matéria irá ao ar em breve. Fique de olho aqui no Voxel.

O Xbox Series X e o Xbox Series S serão lançados nesta terça-feira, 10 de novembro de 2020. Como estão suas expectativas? Escreva aqui embaixo, na seção destinada aos comentários.

Xbox Series X|S no BR: “Não é fácil trazer no dia um. Queríamos desde 2018”