Marvel's Avengers: jogo não vendeu tão bem e Square Enix fica no prejuízo

1 min de leitura
Imagem de: Marvel's Avengers: jogo não vendeu tão bem e Square Enix fica no prejuízo
Avatar do autor

A Square Enix divulgou na última sexta-feira (06) o balanço geral da primeira metade do ano fiscal de 2020 — que termina em março de 2021. Segundo o documento, Marvel's Avengers não vendeu tão bem e fez a publisher ter um prejuízo financeiro de aproximadamente US$ 48 milhões.

Apesar do prejuízo, Final Fantasy VII Remake e o próprio Marvel's Avengers ajudaram a aumentar a receita da Square Enix e, embora um aumento na receita seja sempre bom, não parece que o jogo de super heróis tenha gerado tanto lucro quanto a empresa esperava.

No primeiro trimestre do atual ano fiscal, FF VII Remake arrecadou US$ 330,1 milhões em vendas líquidas e gerou receita de aproximadamente US$ 96,8 milhões. Já no segundo trimestre, o game dos Vingadores teve vendas líquidas de US$ 229,4 milhões e uma perda de mais de US$ 48,4 milhões em receita operacional.

A Square Enix não divulgou os números de vendas do jogo, mas, segundo o analista David Gibson, Avengers "vendeu apenas 60% do volume planejado", aproximadamente 3 milhões de cópias, segundo a projeção.

Gibson também relata que o custo total do game produzido pela Crystal Dynamics ficou entre US$ 170 milhões e US$ 190 milhões.

Para o ano fiscal inteiro, a Square Enix prevê que as receitas tenham um aumento de 11,3%, com valor estimado em US$ 2,81 bilhões e lucro de US$ 1,95 por ação.

Marvel's Avengers está disponível para PS4, Xbox One, PC e Google Stadia. As versões de nova geração para PS5 e Xbox Series S/X foram adiadas e chegam em algum momento de 2021.

Marvel's Avengers: jogo não vendeu tão bem e Square Enix fica no prejuízo