Pokémon Sword e Shield: The Crown Tundra terá foco nos Lendários

2 min de leitura
Imagem de: Pokémon Sword e Shield: The Crown Tundra terá foco nos Lendários
Imagem: Nintendo

Pokémon Sword e Shield, os mais recentes jogos da série, estão prestes a receber o seu próximo conteúdo por DLC, já que a expansão The Crown Tundra será lançada exclusivamente para Nintendo Switch em 22 de outubro. Hoje, diversas novidades sobre o conteúdo adicional foram reveladas!

Enquanto a primeira expansão Isle of Armor era sobre aumentar o foco nas batalhas e treinamento, a próxima expansão, The Crown Tundra, parece ser mais interessada na exploração e aventura, com direito a castelos e montanhas congeladas, embora nem tudo se limite ambientes com cara de frio, já que também teremos muito verde e mares para conhecer.

Caça aos lendários!

A imprensa internacional teve acesso a uma demonstração hands-off do novo conteúdo, que deixou claro o quanto a nova expansão é maior que a anterior. Há mais monstrinhos antigos retornando do que na expansão passada, além da adição de mais algumas criaturas e golpes inéditos.

Há um conteúdo narrativo linear para seguir: desta vez temos uma jornada em busca do Pokémon lendário Calyrex, que já foi considerado o Rei de Galar. Não foi mostrado muito mais sobre ele, até para não estragar a graça da aventura com spoilers, já que ele é o principal fio condutor da história.

Além disso, há a "Legendary Tree of a Legendary Three" (algo como "A árvore lendária do trio lendário", em tradução livre), uma gigantesca árvore vermelha que abriga três pássaros lendários: as formas de Galar de Moltres, Zapdos e Articuno, que logo saem voando para pontos distantes do mapa, oferecendo um novo desafio aos treinadores, que precisam encontrá-los.

Aventuras Dynamax!

Outra grande novidade são as Dynamax Adventures, um novo modo cooperativo multiplayer no qual os lendários costumam ser a maior recompensa ao fim do caminho. Quatro treinadores trabalham em equipe em uma série de lutas com dificuldade crescente do tipo Dynamax, mas com uma pegadinha ou duas:

Cada jogador só pode utilizar um único monstrinho, sendo que ele não sai da sua equipe, mas sim de uma lista pré-selecionada de criaturas já preparadas no nível adequado. Vale notar que os seus HP, PP e status são carregados de uma batalha para a seguinte.

Há múltiplas rotas para tomar, o que aumenta o fator replay e desafio, já que os treinadores devem votar e decidir qual caminho tomar em uma espécie de tabuleiro. Alguns caminhos até escondem bônus como recuperação de energia, então é preciso ter sorte e competência para triunfar! O que você achou dessas novidades? Está empolgado com a DLC? Comente a seguir!

Pokémon Sword e Shield: The Crown Tundra terá foco nos Lendários