Após polêmica sobre imigração, youtuber JonTron é cortado de Yooka-Laylee

1 min de leitura
Imagem de: Após polêmica sobre imigração, youtuber JonTron é cortado de Yooka-Laylee

Dos criadores de Banjo-Kazooie, um dos jogos favoritos da infância de muita gente, nasce Yooka-Laylee, uma aventura aos moldes dos grandes nomes da década de ouro dos games a ser lançada no dia 11 de abril. O youtuber JonTron, cujas declarações sobre imigração nos EUA geraram inúmeras discussões na internet, era um dos dubladores do game. Pois bem: a polêmica custou a ele o corte nesse papel. A própria Playtonic, que assina o desenvolvimento do título, decidiu fazer isso.

“Tomamos ciência dos comentários feitos pelo artista JonTron após o desenvolvimento de Yooka-Laylee ter sido concluído. Em luz dos pontos de vista pessoais dele, decidimos remover a inclusão de JonTron no jogo por meio de uma atualização”, afirmou o estúdio em comunicado oficial enviado ao Games Industry.

Interesse partiu do youtuber

JonTron, cujo nome verdadeiro é Jonathan Jafari, havia manifestado interesse em participar da produção do game antes mesmo de a campanha no Kickstarter ter sido lançada. À época, em 2015, o apresentador havia declarado amor pela série Banjo-Kazooie no Twitter, antecessor espiritual da nova aventura, concebida pelos mesmos criadores. A Playtonic respondeu no mesmo tom e acatou o pedido do fã.

Descendente de iranianos e húngaros, JonTron se envolveu em discussões com internautas após declarações que teriam tido tom racista e antiétnico, de acordo com os relatos defendidos pelos próprios usuários, que tomaram lados para defender seus argumentos, fossem a favor ou contra o youtuber. Clique aqui para conferir essa história e opine na seção destinada aos comentários, logo adiante.