Bethesda: games como serviço não são o futuro único da indústria

1 min de leitura
Imagem de: Bethesda: games como serviço não são o futuro único da indústria
Avatar do autor

Atualmente desenvolvendo seu segundo grande game totalmente online — The Elder Scrolls Online sendo o primeiro —, a Bethesda não parece acreditar que os “games como serviço” são o único futuro possível para a indústria. Segundo o diretor Todd Howard, os jogos single player focados em narrativas estão longe do fim e continuarão sendo muito importantes.

Skyrim

Em uma entrevista concedida à GamesIndustry, Howard afirmou que os fãs da desenvolvedora não devem pensar que o investimento em Fallout 76 significa uma mudança de foco. “Corporativamente, fizemos uma mistura: as pessoas esquecem disso de vez em quando. Elder Scrolls Online é um dos maiores jogos online do mundo, temos Fallout Shelter, que continuamos atualizando, e Elder Scrolls: Legends”.

“Qualquer pessoa que já disse ‘esse é o futuro e essa parte dos jogos está morta’ foi provado errado todas as vezes. Gostamos de tentar tudo. Durante muito tempo queríamos testar um jogo multiplayer e tivemos essa ideia. Não devemos ficar com medo. Devemos tentar isso”, explicou Howard.

Bethesda: games como serviço não são o futuro único da indústria