Rainbow Six Siege estuda mudanças para o operador Tatcher

1 min de leitura
Imagem de: Rainbow Six Siege estuda mudanças para o operador Tatcher
Avatar do autor

A Ubisoft aproveitou a publicação relacionada ao patch 2.2 de Rainbow Six Siege no Reddit para falar um pouco sobre seus planos futuros para o game. Entre os assuntos tocados pela companhia está o fato de que ela planeja mudar a maneira como Tatcher, um dos operadores mais populares do game, funciona.

Rainbow Six Siege

Entre as mudanças que estão sendo estudadas é a possibilidade das granadas EMP do personagem poderem desabilitar o Prisma de Alibi ou as câmeras de Maestro. “Em geral, não estamos satisfeitos com a interação do EMP e dos dispositivos eletrônicos quando essa interação é a destruição simples. Acreditamos que isso é muito binário e não dá espaço o bastante para contra-ataques”, afirmou o game designer Jean-Baptiste Hallé.

Mudanças de balanceamento

O problema com Tatcher, no caso, é o fato de que suas habilidades funcionam de maneira direta demais, não dando espaço para outros usos. Enquanto muitos jogadores gostam disso, porque não precisam se preocupar tanto com questões como timing, posicionamento ou furtividade, a Ubisoft parece não estar contente com a presença forte do personagem no metagame.

Hallé também afirmou que a Ubisoft estuda mudanças em Blitz, que é muito fraco a longas distâncias e forte demais em distâncias pequenas. Para completar, ele deu a entender que o jogo pode diminuir a força de escudos, prometendo que “temos planos maiores para o futuro de dar opções de contra-ataque ao operador se defendendo quando você encarar um escudo a curta distância”.

Rainbow Six Siege estuda mudanças para o operador Tatcher