Indústria dos games reage à aposentadoria de Reggie Fils-Aimé, da Nintendo

1 min de leitura
Imagem de: Indústria dos games reage à aposentadoria de Reggie Fils-Aimé, da Nintendo
Avatar do autor

Na última quinta-feira (21), o mundo dos games foi pego de surpresa quando Reggie Fils-Aimé, presidente da Nintendo of America por mais de 13 anos e um dos executivos mais carismáticos da indústria, anunciou sua aposentadoria. Em resposta vários membros da indústria usaram as redes sociais para comentar a notícia e para agradecer o executivo por seu trabalho.

“Todo o melhor para Reggie Fils-Aimé na próxima fase de sua vida e carreira. Um grande líder, parceiro da indústria e amigo”, escreveu Phil Spencer, principal responsável pela divisão Xbox na Microsoft. Quem também comentou o assunto foi Larry “Major Nelson” Hryb, que disse que vai sentir falta de ver o executivo nos eventos do mundo dos games.

Figura respeitada

Os membros do Team Meat (de Super Meat Boy), Cory Barlog (diretor de God of War), Geoff Keighley (organizado do The Game Awards), Robert Bowling (desenvolvedor da série Call of Duty) e diversas outras pessoas comentaram a decisão. “Eu vou sentir falta dessa pessoa como um dos rostos da nossa indústria”, afirmou Rami Ismail, da desenvolvedora independente Vlambeer.

Além de atuar como um dos principais executivos da Nintendo, participando tanto de grandes sucessos como o Wii e o Switch quanto de fases problemáticas como a era Wii U e a fase de lançamento do 3DS, Reggie ajudou a quebrar a imagem “sisuda” da empresa. Muito disso aconteceu durante as apresentações Direct, na qual ele e figuras como Satoru Iwata abraçaram memes e brincadeiras relacionadas à empresa, em um processo que a aproximou do público.

Indústria dos games reage à aposentadoria de Reggie Fils-Aimé, da Nintendo