Halo Infinite: tensão interna foi a causa do adiamento [RUMOR]

1 min de leitura
Imagem de: Halo Infinite: tensão interna foi a causa do adiamento [RUMOR]
Imagem: https://www.gamespot.com/articles/e3-2018-halo-infinite-revealed-as-xbox-ones-new-ga/1100-6459571/

Após entrar em contato com fontes anônimas do 343 Industries, o portal Thurrott publicou alguns dos pontos que foram abordados na conversa. Focando a discussão na produção de Halo Infinite e em seu consequente adiamento para 2021, confirmado recentemente pela Microsoft, muito foi dito sobre os problemas que poderiam ter ocasionado o atraso do game.

Segundo o site, anos de desenvolvimento do game inflamaram competições dentro do estúdio, que havia repassado funções internas para serem realizadas por empresas terceirizadas. A atitude da desenvolvedora gerou inúmeros descontentamentos por parte da equipe, criando conflitos externos e internos que causaram o atraso em diversos processos.

Apesar de não ser algo incomum entre grandes companhias relacionadas ao universo dos games, a terceirização contratada pela 343 Industries acabou indo em desacordo com o "padrão". A fonte entrevistada informou que houve um grande desequilíbrio entre a participação interna e externa, com a atuação de mais pessoas de fora envolvidas do que de membros do próprio estúdio.

Planejado para ser uma reimaginação da franquia, trazendo elementos clássicos e queridos pelos fãs para os moldes atuais dos grandes títulos dos games, Halo Infinite estava sendo desenvolvido com um novo motor, o que pode ter impactado nas atividades técnicas com o aumento significativo da pressão para entregar o melhor trabalho possível.

Com centenas de milhões de dólares investidos na produção do título e em meio a muitas indecisões e processos problemáticos, o adiamento do game pode ter sido uma consequência natural da forma como foi tratado internamente.

Fontes

Halo Infinite: tensão interna foi a causa do adiamento [RUMOR]